Com gol de placa de Suárez, Barcelona vence o Atlético em Madri

O Barcelona contou com uma pintura digna de placa de Luis Suárez para bater o Atlético de Madrid, no Vicente Calderón, por 2 a 1. O resultado deixa os catalães com uma mão na vaga na final da Copa do Rei. O outro foi marcado por Lionel Messi, também um golaço. Griezmann descontou e deixou o Colchonero vivo na competição.

Agora, o Barcelona pode perder por 1 a 0 no Camp Nou, na próxima terça-feira, que avança para a decisão. Qualquer empata também dá a vaga aos catalães. Na outra semifinal, Alavés recebe nesta quinta o Celta de Vigo, no País Basco.

Sem Busquets, Luis Enrique colocou Mascherano como volante, posição na qual o argentino só atua na seleção. Iniesta também ficou fora e André Gomes herdou sua vaga. No Atlético, Carrasco foi confirmado no ataque ao lado de Griezmann.

A opção por Mascherano como volante foi acertada. O argentino foi um leão em campo e participou ativamente do primeiro gol. Aos seis minutos, ele acionou Luis Suárez. O uruguaio passou na velocidade por Godín, deu drible da vaca em Savic e tocou na saída de Moyà para fazer um golaço no Vicente Calderón.

Atrás no placar, o Atlético de Madrid tentou buscar mais o jogo e passou a acionar seus laterais. Filipe Luís fez boa jogada, mas a bola não chegou em Griezmann. O Barcelona também teve suas chances de ampliar. Neymar desperdiçou. Em outro lance, Suárez tentou o toque para o brasileiro e perdeu a oportunidade. Mas Messi, não. Ele recebeu de Rakitic na entrada da área e soltou a bomba, sem chances para Moyà.

O jogo começou lá e cá no segundo tempo. O Barcelona querendo logo matar o confronto e o Atlético tentando permanecer vivo na Copa do Rei. E o Colchonero diminuiu em uma jogada ensaiada com Gabi, que bateu falta, Godín desviou e Griezmann tirou do alcance de Cillessen para estufar as redes. O goleiro do Barcelona, contudo, salvaria o time em lance pela esquerda de Filipe Luís, que o atacante francês desperdiçou.

O Atlético cresceu em campo e encurralou o Barcelona em seu campo. Tentando ajudar a defesa, Neymar levou amarelo e está suspenso para o jogo de volta no Camp Nou. Diego Simeone lançou Fernando Torres e Gameiro e deixou o time com dois centroavantes, buscando as bolas alçadas na área. Por outro lado, os catalães saíam com velocidade nos contra-ataques. Messi cobrou uma falta no travessão e assustou Moyà.

Nos últimos 15 minutos, a partida ficou totalmente aberta. A cada ataque, um lance de perigo. De calcanhar, quase que Torres empata fazendo um golaço. Para desespero do técnico Luis Enrique, a zaga do Barcelona quase entregou por duas vezes, mas o Atlético não aproveitou. Os Colchoneros tiveram ainda mais duas oportunidades para empatar, mas a pontaria não estava afiada.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos