Paz marca Cruzeiro x Atlético-MG com torcidas divididas no Mineirão

A histórica rivalidade entre Cruzeiro e Atlético-MG deu um grande passo rumo à tolerância. Na partida que terminou com vitória celeste por 1 a 0 pela Primeira Liga, com gol marcado por De Arrascaeta, na noite de quarta-feira, o Mineirão viu o retorno das torcidas divididas acontecer em um absoluto clima de paz, com direito à presença de famílias e de crianças empolgadas em acompanhar o jogo.

Mesmo com o clássico levando 41.530 presentes (39.811 pagantes) ao Gigante da Pampulha, a Polícia Militar confirmou ao LANCE! que não houve qualquer indício de briga ou agressão nos arredores ou dentro do estádio.

- Foi ótimo, sem problema algum, sem ocorrências registradas. A Polícia montou um sistema muito interessante de chegada, com o "expertise" que angariou inclusive com a Copa do Mundo e a Olimpíada. Foi feito um cercamento interessante, que conseguiu fazer as chegadas da torcida com tranquilidade. Não tivemos qualquer evento danoso, o clássico transcorreu com foco no desporto. A segurança foi extremamente eficiente - afirmou o Major Flávio Santiago, chefe de imprensa da Polícia Militar de Minas Gerais (PM-MG), ao LANCE!

A busca por evitar conflitos entre torcidas começou do lado de fora do Mineirão, que não tinha o estádio com torcida "dividida" desde sua reinauguração, em 3 de fevereiro de 2013, na vitória por 2 a 1 do Cruzeiro pelo Campeonato Estadual. De acordo com "O Tempo", foram feitas barreiras policiais entre as ruas Carlos Luz e Osvaldo Pascoal, que já contribuíram para evitar a ação de brigões também dentro do estádio.

Além da tranquilidade para torcer, quem assistiu ao jogo entre Cruzeiro e Atlético-MG também elogiou o conforto para se deslocar até o Mineirão. Devido a uma iniciativa do prefeito de Belo Horizonte, Alexandre Kalil, a Guarda Municipal agiu intensamente para proibir a presença de flanelinhas nas ruas próximas ao estádio. Segundo a Polícia Militar revelou ao L!, a ideia é de que a ação continue a acontecer em outras partidas.

No primeiro clássico realizado em 2017, Cruzeiro e Atlético-MG indicaram que o Mineirão tem espaço para abrigar, na mesma proporção, as paixões de Minas Gerais.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos