Doutor Michael Simoni retorna ao Fluminense como diretor de saúde

O doutor Michael Simoni está de volta ao Fluminense. Em sua quinta passagem pelas Laranjeiras, o médico foi anunciado, nesta sexta-feira, como diretor de saúde do clube, e trabalhará em parceria com o departamento de futebol.

- Estou muito contente de ter mais uma oportunidade de trabalhar no Fluminense. Conheço muito bem o trabalho desenvolvido pelo Dr. Douglas Santos, pelo coordenador de fisioterapia Nilton Petrone, o Filé, e de toda a equipe. O trabalho é de extrema competência. Tenho certeza de que posso contribuir e ajudar o clube. Fiquei motivado com o projeto do presidente Pedro Abad e acredito no sucesso dessa nova gestão - afirmou Michael Simoni.

Michael Simoni, ortopedista especializado em cirurgia de ombro e traumatologia desportiva, já trabalhou no Flu em quatro outras oportunidades. A última, entre janeiro e setembro de 2016, foi na gestão Peter Siemsen.

Após a saída mais recente, Michael Simoni apoiou a candidatura de Mário Bittencourt, opositor de Siemsen e candidato derrotado por Pedro Abad nas eleições presidenciais realizadas em novembro do ano passado. O atual mandatário comentou a retorno do médico ao clube.

- Já conheço o Simoni há bastante tempo e sei das suas qualidades. É um médico excepcional e tenho certeza de que fará um grande trabalho. As portas estão sempre abertas para as pessoas que estão dispostas a ajudar. O momento é de união.

O doutor Michael Simoni terá uma cargo não remunerado no Fluminense. O objetivo é implementar novas ideias e dar suporte ao departamento médico, chefiado pelo Dr. Douglas Santos, além de ajudar a desenvolver o projeto de saúde que integra base e profissional.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos