Montillo volta ao Chile, onde é ídolo da La U e rival antigo do Colo-Colo

  • Vitor Silva / SS Press / Flickr do Botafogo

Reencontros. Assim que o sorteio da Libertadores indicou o Colo-Colo no caminho do Botafogo na competição, um dos duelos mais esperados foi a volta de Montillo ao Chile, país que o projetou de forma internacional. Pela frente, um rival histórico da Universidad de Chile, clube pelo qual o argentino tornou-se ídolo, atuando por três anos. No primeiro embate, no Rio de Janeiro, o camisa 7 se deu melhor. Agora, o meia volta ao país onde viveu um dos melhores momentos da carreira, buscando a inspiração pela vaga.

Não há dados precisos sobre o número de jogos entre ambos. Pela La U, Montillo enfrentou o Colo-Colo ao menos uma vez, pelo Campeonato Chileno, em 2009. Na ocasião, derrota por 1 a 0 no Monumental, palco da decisão de amanhã. Sete anos depois, pelo Botafogo, veio a vitória, no jogo de ida da segunda fase da Copa Libertadores. Contudo, a história entre os dois no confronto é antiga.

"Conheço o Colo-Colo porque joguei por lá, o técnico deles gosta de sair para jogar, para frente, atacando com muita gente. Mas temos que pensar no Botafogo para fazermos a coisa bem dentro de campo", afirmou o articulador do meio de campo alvinegro, durante apresentação em General Severiano, já sabendo da rivalidade que mantém com o rival do Glorioso e projetando a decisão que se aproxima.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos