'A vontade de vencer dos jogadores supera a fragilidade defensiva'

Faça sol ou faça chuva, como no último domingo, o Fluminense segue invicto. O Tricolor está com 100% de aproveitamento no Campeonato Carioca e, agora, é só esperar o resultado de Volta Redonda e Bangu para garantir vaga antecipada na semi-final da Taça Guanabara.

Das quatro partidas que disputou, incluindo a da Primeira Liga, contra o Criciúma, o Fluminense venceu duas com três gols a mais que o adversário. A partida contra a Portuguesa começou com 30 minutos de atraso e as condições não eram boas. Com o campo encharcado, os times tiveram dificuldades na movimentação, mas a Portuguesa pressionou e se saiu melhor nos primeiros minutos. Tal atuação não durou muito tempo, porque o primeiro gol foi marcado aos 32 minutos por Henrique Dourado.

O segundo gol foi marcado por Leo. O lateral marcou pela primeira vez desde que foi integrado ao elenco profissional. Para fechar, Scarpa garantiu os 100% de aproveitamento em 2017, marcando o terceiro da partida com 42 minutos do segundo tempo.

Este ano, Abel voltou a assumir o comando do time e, com ele, novos jogadores fazem parte do elenco, inclusive os gringos Sonorza e Orejuela, que têm se destacado nas últimas partidas. Confiante, guerreiro e com defesa ajustada, o Fluminense iniciou o ano com motivação.

Para Luiz Otávio de Oliveira, blogueiro do 'Papo com Boleiro', a volta de Abel foi o melhor investimento que a diretoria do Fluminense poderia ter feito.

- Sempre fui fã do trabalho do técnico Abel Braga e, acredito que o retorno dele para as Laranjeiras tenha sido o melhor investimento feito pela diretoria do Fluminense para essa temporada.

O blogueiro ainda acrescenta que a força de vontade que os jogadores mostram, tem sido uma das causadoras dos bons resultados.

- A cada partida do Fluminense, vejo uma vontade absurda dos jogadores em conquistar a vitória (algo só visto nos tempos do Time de Guerreiros) e, a cada entrevista concedida pelos atletas, podemos ver brilhos nos olhos de cada um deles e, sem dúvida alguma a chegada dos gringos Orejuela e Sonorza, melhorou consideravelmente a qualidade do meio campo. Acho que a defesa ainda é um ponto frágil no tricolor, mas a vontade de vencer está superando a fragilidade defensiva.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos