Botafogo joga para seguir escrevendo história na Libertadores

  • VANDERLEI ALMEIDA/AFP

Das fintas de Garrincha até o cabeceio de Jamir, que sobrou categoricamente no pé de Túlio, em 1995. Passado e presente sempre se misturam na história do Botafogo, conhecida pela sua tradição gloriosa, cultivada pelos ídolos de diferentes gerações que compõe a rica trajetória do clube no cenário nacional.

Por isso, a partida desta noite, às 21h45, contra o Colo-Colo, no Estádio Monumental (CHI), pela Copa Libertadores, pode ser a grande chance para o elenco atual marcar uma nova fase do Alvinegro. Quem sabe até dar um primeiro passo para entrar na galeria histórica do clube! Cada um que entrar em campo terá de ser, como o hino diz, "herói em cada jogo".

Tanto a preparação física quanto a montagem do elenco foram de olho na decisão desta noite. E, para muitos deste grupo, o duelo é uma chance rara de atuar em uma partida continental. Com experiência em Copa Libertadores, apenas Gatito Fernández, Airton e Montillo, além do ainda lesionado Jefferson.

O restante do plantel do Botafogo está conhecendo novos territórios. E ninguém quer parar por aí.

"A equipe precisa da vitória, a gente sabe que vem jogando em casa, é muito forte no início do jogo. Estamos preparados para todas essas situações, mas tudo pode mudar no decorrer da partida. A expectativa é de fazer um grande jogo - prevê Jair Ventura, que, como comandante alvinegro, também fará o primeiro jogo fora do país desde que assumiu o clube, em agosto de 2016.

A fome de cada um alimenta o brilho da Estrela Solitária no Chile. Combustível para mais história, desta vez, em território hostil.

BOTAFOGO x COLO-COLO

Estádio: Monumental David Arellano (CHI)
Horário: 21h45 (Brasília)
Arbitragem: Patricio Loustau (ARG)
Auxiliares: Ezequiel Brailovsky e Ivan Nuñez (ARG)
Transmissão: TV Globo, FoxSports

COLO-COLO: Justo Villar; Meza, Julio Barroso e Claudio Baeza; Luis Figueroa, Esteban Pavez, Jaime Valdés, Ramon Fernández e Bryan Véjar; Octavio Riveros e Esteban Paredes - Técnico: Pablo Guede

BOTAFOGO: Gatito Fernández, Jonas, Marcelo, Emerson Silva e Victor Luís; Airton, Bruno Silva, João Paulo (Roger), Camilo e Montillo; Rodrigo Pimpão - Técnico: Jair Ventura

 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos