Em meio a maratonas, Cruzeiro e Chape jogam pela Primeira Liga

Cruzeiro e Chapecoense, que se enfrentam nesta quinta-feira, às 21h45, no Mineirão, em jogo válido pela segunda rodada da Primeira Liga, entrarão em campo com uma coincidência nada agradável: a maratona de jogos.

Do lado da Raposa, mais descansada, haverá outro jogo no próximo sábado, às 16h30, contra o Tupi, fora de casa, pelo Campeonato Mineiro. Do jogo em Juiz de Fora até o dia 22, o Cruzeiro terá mais quatro jogos. Também vai encarar o Volta Redonda(Copa do Brasil), URT, pelo Mineiro e Joinville, na Primeira Liga.

Por isso, o treinador Mano Menezes deve mandar a campo um time alternativo. O próprio comandante, ao longo da semana, já havia antecipado isso. O esquema deve ser o 4-2-3-1, com Ábila centralizado.

Nem mesmo a possibilidade de encaminhar a classificação fez Menezes abrir mão do 'rodízio'. Uma vitória da Raposa deixa o time, que venceu na estreia o Atlético-MG, com seis pontos e sem chances de ser ultrapassado pela própria Chape e Joinville ou Galo, que medem forças um pouco mais cedo, às 19h15, no Independência.

Assim como o Cruzeiro, a Chapecoense, que na última quarta-feira perdeu para o Avaí por 3 a 0, Campeonato Catarinense, também entra em campo logo mais com um time alternativo, recheado de jovens das categorias de base. É a opção viável para o time que, a princípio, jogaria duas vezes no mesmo dia. E, assim como o Cruzeiro, o Verdão do Oeste já volta a campo no próximo sábado, quando visita o Brusque pelo Catarinense.

Tal aperto no calendário parece ter tirado a paciência do treinador Vagner Mancini, que classificou a sequência de datas como 'ridículas'.

- Até na semana passada eram dois jogos no mesmo dia. Eu vou definir usando apenas uma palavra: ridículo. Futebol brasileiro, em 2017, com dois jogos no mesmo dia. ridículo. Só isso que tenho a dizer - reclamou Mancini, que nem viaja para Belo Horizonte. Seu auxiliar, Emerson Cris comandará a Chape.

Será o primeiro jogo da Chapecoense fora de Santa Catarina desde a tragédia de novembro. Por conta disso, a Raposa prepara uma faixa para homenagear a Chape.

Provável Cruzeiro: Rafael; Mayke, Kunty Caicedo, Manoel e Bryan; Hudson e Lucas Romero; Elber, Alex e Rafinha; Ramón Ábila. Téc: Mano Menezes

Provável Chapecoense: Tiepo; Lucas Marques, Hiago, Vinicius e Busanelo; Lucas Mineiro, Scalon e Bryan; Lourency, Wesley Natã e Perotti. Técnico: Emerson Cris.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos