Jair valoriza o heroísmo do Botafogo: 'Evidente o nosso poder de reação'

O Botafogo teve todo tipo de problema. Ritmo de jogo maior do Colo-Colo; lesões de jogadores importante; como Carli e Camilo; gol sofrido em casa, tratamento hostil da torcida chilena, e ainda precisou correr atrás da classificação após levar um gol aos dois minutos de jogo. Por tudo isso, o técnico Jair Ventura valorizou a classificação da equipe à terceira fase da Copa Libertadores da América.

- Ficou evidente o nosso poder de reação, a entrega da nossa equipe. Tínhamos três titulares do ano passado só (dependendo do jogo, na verdade), mas a gente sente atmosfera de atração, o mesmo espírito do ano passado. O time vai evoluir mais - garante o treinador.

E os nervos precisaram ser controlados para o Glorioso fazer a boa partida que fez, dando poucas chances aos mandantes. Jair ressalta a força mental apresentada por seus comandados.

- Equilíbrio. Foi a palavra que usei na preleção. Independentemente do que acontecesse no campo. Tínhamos a vantagem, a perdemos no início, mas soubemos a hora de atacar e de defender - explica.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos