Nenê faz dois e garante classificação do Vasco na Copa do Brasil

A primeira missão do Vasco no período de busca de duas classificações em quatro dias foi cumprida com sucesso. Na noite desta quinta-feira, a equipe comandada por Cristovão Borges entrou em campo diante do Santos-AP, na Arena das Dunas, em Natal (RN), e venceu por 2 a 0. A vitória deu ao time a vaga na segunda fase da Copa do Brasil, onde enfrentará o Fast-AM ou o Vila Nova. Os dois gols vascaínos foram marcados por Nenê, de pênalti, na melhor atuação do time nesta temporada de 2017.

Com um elenco superior em comparação ao Santos-AP, o Vasco dominou as ações da partida desde o apito inicial. Cristovão Borges manteve Jean como titular no meio de campo após boa estreia no fim de semana passado, e o dinamismo desejado pela torcida foi visto sem dificuldades. Aos 17, os vascaínos chegaram a Axel com perigo, com Guilherme Costa mandando no travessão.

Os jogadores do Vasco seguiram na pressão e três minutos mais tarde, Dedé derrubou Guilherme Costa e o árbitro Luiz César de Oliveira Magalhães acertou ao marcar o pênalti. Aos 21, Nenê pegou a bola e assumiu a responsabilidade. Foi com tranquilidade para a cobrança e seguiu a batida, 1 a 0 sobre o Santos.

Na frente do placar, o Vasco seguiu buscando os lances, apesar de ter começado a administrar a vitória. Do outro lado, a equipe santista seguia sem levar perigo, o goleiro Martin Silva foi um mero observador em campo. Para o segundo tempo, como se era esperado, Cristovão Borges promoveu as estreias do atacante Kelvin e do lateral-direito Gilberto, o que elevou - e muito - o nível vascaíno. E a torcida ficou feliz.

O Vasco apresentou boas opções que devem ser mantidas já para o jogo de domingo, contra o Volta Redonda, valendo a classificação vascaína para a semifinal da Taça Guanabara. Pelo visto em campo, Kelvin e Gilberto devem ser mantidos como titulares, assim como Jean. Aos quatro, Kelvin deu seu cartão de visita passando bem pelo adversário.

Já aos 26, na primeira jogada com a camisa do Vasco, Gilberto passou bem e tocou para Guilherme Costa. A bola sobrou para Kelvin, que desviou e acabou tirando tinta da trave defendida por Axel. No minuto seguinte, nova oportunidade vascaína. Alan achou Guilherme Costa que acertou a rede pelo lado de fora. E mais uma chance aos 28, com Kelvin arriscando de novo com perigo.

Ainda deu tempo para o segundo gol do Vasco, de novo de pênalti e mais uma vez com Nenê. Aos 45 minutos da etapa final, Guilherme Costa, que sofrera o pênalti no primeiro tempo, foi o alvo novamente. E o camisa 10 de São Januário ampliou. Jogo bom e vitória merecida!

FICHA TÉCNICA

SANTOS-AP 0 X 2 VASCO

Estádio: Arena das Dunas, em Natal (RN)

Data/hora: 9/2/2014 - 21h (de Brasília)

Árbitro: Luiz César de Oliveira Magalhães (CE)

Auxiliares: Nailton Junior de Sousa Oliveira (CE) e Marcione Mardonio da Silva Ribeiro (CE)

Renda/público: R$ 252.800,00/5.321 pagantes

Cartões amarelos: Dedé, Bruno, Roberto Batata (SAP) e Jean, Yago Pikachu, Nenê (VAS)

GOLS: Nenê 21'/1ºT (0-1) e Nenê 45'/2ºT (0-2)

SANTOS-AP: Axel, Darlan, Dedé, Jeferson e Roberto Batata; Lessandro (Maranhão 32'/2ºT), Antunes, Renatinho e Fabinho; Denilson (Nildon 16'/2ºT) e Luciano Mota (Bruno 21'/2ºT). Técnico: Minga.

VASCO: Martin Silva, Yago Pikachu (Gilberto 24'/2ºT), Luan, Rafael Marques e Alan; Jean e Bruno Gallo; Guilherme Costa, Escudero (Muriqui intervalo) e Nenê; Thalles (Kelvin intervalo). Técnico: Cristovão Borges.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos