Defesa erra e Timão sofre mais gols do que nos quatro primeiros jogos

Nos quatro primeiros jogos da temporada, havia um consenso no Corinthians: a defesa evoluíra, passando segurança ao time e levando apenas um gol em 360 minutos. Essa animação, no entanto, acabou frustrada na noite deste sábado. No revés por 2 a 0 para o Santo André na Arena Corinthians, o Timão errou muito na marcação, inclusive nos dois tentos sofridos.

- Faltou concentração. São bolas que estamos acostumados a tirar, mas hoje não fomos felizes - lamentou Pablo, que marcou a bola e deixou Claudinho livre para anotar o segundo gol do Ramalhão.

Também no tento de Claudinho, Gabriel recuou mal, Fagner furou e Balbuena ficou no meio do caminho ao tentar cortar o cruzamento de Deivid. Já no primeiro gol, marcado na etapa inicial, Marlone foi desatento ao deixar os andreenses em condição na área, enquanto o miolo de zaga não acompanhou as entradas de Reniê e Edmilson, o autor do gol.

- Eles se preocuparam em marcar e acharam o gol em bola parada para se fechar mais ainda. Depois, em falha nossa, fizeram outro gol e fecharam mais. Nós fomos um pouco abaixo mesmo, mas não podemos desanimar. Temos que trabalhar pelo resultado e para a confiança voltar. Tem muito campeonato pela frente - analisou o meia Rodriguinho.

Na Florida Cup, o Corinthians foi vazado na estreia contra o Vasco da Gama, quando goleou por 4 a 1, mas não sofreu nenhum gol contra o São Paulo. A defesa passou intacta ainda pelo amistoso com a Ferroviária e pela estreia no Campeonato Paulista, contra o São Bento.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos