Testado como referência na frente, Muriqui se coloca à disposição para a função

Ainda buscando a sua melhor forma física após voltar de lesão, o atacante Muriqui vem entrando aos poucos no time do Vasco. Depois de atuar alguns minutos contra o Resende e dar a assistência para o gol da vitória, ele jogou todo o segundo tempo contra o Santos-AP, pela Copa do Brasil. Dessa vez, ele foi testado como centroavante pelo técnico Cristovão Borges e se colocou à disposição para atuar dessa forma, mesmo não sendo sua posição.

- Para mim é legal. Não é minha posição, mas estou disposto a ajudar se ele precisar. O mais importante é poder jogar, me condicionar, já que eu perdi boa parte da pré-temporada. Eu tenho encarado esses jogos que eu tenho entrado como uma pré-temporada para que o mais rápido possível eu ficar apto a jogar os 90 minutos. Então, já joguei 45 minutos e não senti nenhuma dor. Isso mostra que estou evoluindo e daqui a pouco vou aguentar os 90 minutos - disse o atacante.

Contra o Santos-AP, Muriqui teve algumas dificuldades assim que entrou, mas foi bem e quase fez um belo gol. Cristovão Borges explicou o motivo de ter colocado Muriqui nessa função em campo e elogiou a movimentação do atacante.

- Ele está voltando agora depois de um período de contusão. Se eu colocasse ele no lado, teria uma função tática que ia exigir muito dele, poderia ser um risco. Ao mesmo tempo, ele se movimenta bem, e nos treinos tenho usado dele um pouco assim. Queria experimentar, porque nossa equipe ia ficar mais rápida. Queria ver o ataque sem referência.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos