Em vitória polêmica, Dorival afirma: 'Caímos no erro que nunca tivemos'

Na partida deste domingo, o técnico Dorival Júnior assumiu um erro que não havia acontecido antes com o Santos. A partida foi polêmica por conta da arbitragem, que validou um gol do Red Bull que gerou dúvidas de impedimento e um do clube santista, que aparentemente não entrou e Kayke tocou a bola com o braço. Apesar do resultado, o treinador reconhece que a equipe adversário mostrou um bom posicionamento, e deixa o recado de que o Alvinegro encontrará o equilíbrio.

- Foi um jogo muito disputado. Caímos em um erro que nunca tivemos, que é carregar a bola, com ansiedade de definir a sorte da partida rapidamente. Nunca aconteceu isso com o Santos. RB Brasil fez grande apresentação, muito bem posicionado. Tivemos espírito de luta de fazer, mesmo que erradamente, para resolver a partida. Alcançamos um resultado pela insistência e garra de todo o grupo - explica

- Dois jogos com quatro gols tomados. Fizemos nove. Não me preocupo muito com o que acontece. Me preocupo se deixarmos de fazer gols. Santos é preparado para atacar e vamos encontrar equilíbrio daqui a pouco - complementa

Após o término da partida, o goleiro Saulo revelou que o juiz, Rafael Gomes Feliz da Silva, pediu desculpas pelo gol do Santos, aos 47 do segundo tempo, o qual garantiu a vitória do Peixe.

O horário do jogo implicou no desenvolvimento da partida e o comandante reconheceu isso. Segundo ele, jogos na parte da manhã são ótimos para quem assiste, maravilhosos para quem transmite, mas para quem trabalha e tem que se expor, é um complicador.

O Santos enfrentará o São Paulo na próxima quarta-feira, na Vila Belmiro.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos