Flamengo vence, elimina o Botafogo da Taça Guanabara e segue 100%

Não foi um clássico que fez com que o Flamengo perdesse os 100% de aproveitamento na Taça Guanabara. Contra um Botafogo que está mais preocupado com a Libertadores no momento, o Rubro-Negro venceu por 2 a 1, no Nilton Santos, manteve a liderança do Grupo B e ainda sacramentou a eliminação do rival faltando uma rodada para acabar o primeiro turno do Carioca-2017.

Em uma jornada marcada por cenas de violência no entorno do Engenhão, pesou mais a qualidade de um Flamengo que usou titulares do que o esforço de um Botafogo cheio de reservas, poupando figuras importantes do time para o duelo de quarta-feira contra o Olimpia, no mesmo Nilton Santos.

Ainda que não tenha feito um jogo brilhante, o Fla foi dominante durante a maior parte do tempo. Demorou a engrenar, as jogadas ofensivas não saíram com desenvoltura, mas o time de Zé Ricardo saiu na frente. E foi graças a uma bola alçada na área por Diego. Guerrero, assim, chegou ao quinto gol na temporada.

Mas o Botafogo não demorou muito a reagir. O empate veio quase cinco minutos depois, também com um centroavante. A diferença é que Roger marcou, enfim, o primeiro gol dele com a camisa alvinegra. O lance gerou reclamação por parte dos jogadores do Fla. O auxiliar Silbert Sisquim, erradamente, levantou a bandeira após a bola ser esticada para Guilherme na ponta direita. Os defensores do Fla tiraram o pé do acelerador. Mas quem disse que o árbitro Bruno Arleu parou a jogada? O cruzamento para Roger foi certeiro e não teve jeito.

O segundo tempo teve uma queda de produção de ambos os lados. Mas uma nova bola alçada na área foi letal para o Flamengo. Teve até bicicleta de Rafael Vaz no lance, que culminou com Everton se esticando todo para recolocar o Fla na frente.

Com a eliminação da Taça Guanabara cada vez mais perto, o Botafogo não conseguiu um volume grande de pressão sobre o rival. Leandrinho até botou uma bola na trave, mas nada mais incomodou o invicto Flamengo, que, após quatro jogos, chegou aos 12 pontos, enquanto o Botafogo parou nos quatro.

BOTAFOGO 1 X 2 FLAMENGO

Local: Estádio Nilton Santos, no Rio de Janeiro (RJ)

Data/Hora: 12/2/2017, às 19h30

Árbitro: Bruno Arleu (RJ)

Assistentes: Silberto Sisquim e Michael Correia

Cartões amarelos: Roger, Marcinho, João Paulo, Dudu Cearense (BOT); Everton, Pará (FLA)

Gols: Guerrero, 35'/1ºT (0-1); Roger, 39'/1ºT (1-1); Everton, 20'/2ºT (1-2)

Público/Renda: 22.042 pagantes/ R$ 867.160,00

BOTAFOGO: Helton Leite; Marcinho, Igor Rabello, Renan Fonseca e Gilson; Lindoso (Leandrinho, 21'/2ºT), Dudu Cearense (Bruno Silva, intervalo), Fernandes e João Paulo; Guilherme e Roger (Vinícius Tanque, 30'/2ºT). Técnico: Jair Ventura

FLAMENGO: Alex Muralha, Pará, Réver, Rafael Vaz e Miguel Trauco (Rodinei, 28'/2ºT); Willian Arão, Rômulo, Mancuello (Berrío, 15'/2ºT), Diego e Éverton; Guerrero (Gabriel, 40'/2ºT). Técnico: Zé Ricardo.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos