Passeio! Com facilidade, Flu vence o Bangu e segue 100% no Carioca

O Fluminense não tomou conhecimento do Bangu, neste domingo no Los Larios, e engatou a quarta vitória seguida no Estadual: 4 a 0. Com 100% de aproveitamento, o time de Abel Braga garantiu o primeiro lugar do Grupo C e jogará a semifinal com a vantagem do empate. O rival ainda não está definido.

Camisa 9, Henrique Dourado começou a resolver a parada para o Tricolor logo aos dois minutos. Wellington e Lucas fizeram boa dobradinha pela direita e o lateral chegou à linha de fundo. A assistência foi perfeita e o Ceifador só empurrou a bola para o fundo da rede.

A qualidade dos meio-campistas do Tricolor voltou a ser destaque. Sornoza deslocou-se para o lado esquerdo do campo e encontrou Scarpa na entrada da área. O camisa 10 acertou um chutaço e fez seu terceiro gol em 2017.

O Bangu mal tocava na bola. Loco Abreu, isolado na frente, não jogou, e os marcadores não foram páreos para Orejuela, Sornoza, Scarpa, Wellington & Cia. Assim, ainda aos 23 minutos, veio o terceiro gol.

Douglas, presença constante na entrada da área do Bangu, finalizou forte, e, depois de desvio na zaga, a bola ofereceu-se à Dourado. Livre de marcação, o camisa 9 dominou e fez: goleiro Márcio de um lado, bola do outro.

Como era de se esperar, os comandados de Abel Braga diminuírambruscamente o rtimo com o 3 a 0 no placar. Afinal, o calor era grande em Xerém, e o Tricolor vem em uma sequência se partidas consecutivas.

O Bangu voltou com duas mudanças para a etapa final: Walter e Matheus Pimenta. Com um Fluminense menos intenso, o Alvirrubro teve maior presença no campo de ataque, mas só ameaçou a meta tricolor na bola aérea. Júlio César mostrou certa insegurança nos escanteios, que não foram poucos.

Mesmo assim, quem esteve mais perto de fazer o gol no segundo tempo foi o Fluminense. Primeiro, Nogueira desviou cruzamento e a bola explodiu na trave. Scarpa finalizou de fora da área e, no rebote, Douglas chutou para fora.

A melhor chance, no entanto, veio com Osvaldo, que entrou no lugar de Douglas. O atacante invadiu a área e sofreu o pênalti. Os companheiros o deixaram bater, mas a cobrança não foi legal e Márcio defendeu no canto direito.

Mas Osvaldo, dado como carta fora do baralho do Fluminense no final de 2016, não desistiu. Em escanteio, já nos minutos finais, o atacante antecipou aos zagueiros e deu números finais à partida.

FICHA TÉCNICA

FLUMINENSE 4X0 BANGU

Local: Estádio Los Larios, em Xerém (RJ)

Data-hora: 12/2/2017, às 17h

Árbitro: Daniel de Sousa Macedo (RJ)

Auxiliares: Luiz Cláudio Regazone (RJ) e Thiago Corrêa Farinha (RJ)

Renda/Público: Ainda não divulgados.

Cartões amarelos: Lucas e Nogueira (FLU); Léo Luiz e Ives (BAN)

Cartão vermelho: Não houve.

GOLS: Henrique Dourado (1-0, 2'/1ºT e 3-0, 23'/1ºT), Scarpa (2-0, 16'/1ºT) e Osvaldo (4-0, 40'/2ºT)

FLUMINENSE: Júlio César; Lucas, Nogueira, Henrique e Léo; Douglas (Osvaldo, 25'/2ºT) e Orejuela (Luiz Fernando, 19'/2ºT); Scarpa, Sornoza e Wellington (Marcos Junior, 31'/2ºT); Henrique Dourado - T: Abel Braga.

BANGU: Marcio; Denílson, Léo Luiz (Walter, Intervalo), Anderson e Guilherme; Ives, Leandro Chaves (Washington, 31'/2ºT) e Raphael Augusto; Marcos Vinícius, Loco Abreu e Peralta (Matheus Pimenta, Intervalo) - T: Eduardo Allax.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos