Sem contrato, lateral deixa o São Paulo para defender time da Sérvia

O São Paulo não conseguiu segurar uma de suas revelações do CFA Laudo Natel, em Cotia. O lateral-direito Matheus Viveiros não assinou contrato profissional com o Tricolor e decidiu aceitar oferta de time da Sérvia para integrar o elenco profissional. O novo vínculo do defensor de 19 anos foi assinado nesta segunda-feira com o Estrela Vermelha.

Serão quatro temporadas de Viveiros na equipe sérvia, que é a atual campeã da liga nacional e líder da edição 2016/2017 com seis pontos à frente do Partizan, seu maior rival. Recentemente, o Estrela Vermelha contou com outro ex-jogador do São Paulo: o zagueiro Edson Silva, que atuou no Morumbi entre 2012 e 2015, passou a última temporada no grupo e agora está no Mirassol.

Viveiros encontrará apenas um atleta de origem latina no elenco do Estrela, o John Ruíz, atacante natural da Costa Rica. A decisão de se transferir para a Europa veio após não chegar a acordo com o Tricolor por um contrato profissional. No último dia 19 de janeiro, o contrato de formação expirou e o garoto autorizou seu empresário Luciano Couto a buscar outro clube.

Em 2016, Viveiros integrou a equipe sub-19 do São Paulo, que foi campeã da Copa Ouro representando o time sub-20. O lateral ainda participou de uma partida na campanha do título do Paulistão Sub-20, mas teve os melhores momentos em Cotia no período em que defendeu o sub-17, também levantando taça do Estadual.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos