Botafogo só sofre eliminação se repetir placar de 0 a 2, como na estreia do Carioca

Desde que Jair Ventura assumiu o comando do Botafogo, a única derrota que o time teve fora de casa, que poderia decretar a eliminação na Libertadores, foi na partida de estreia do Campeonato Carioca, contra o Madureira, quando perdeu por 2 a 0 no Moça Bonita.

Em 2016, o Alvinegro deu sorte em diversas partidas fora de casa, tanto que conseguiu deixar a zona de rebaixamento e conquistar vaga para disputar as primeiras fases da Libertadores. Relembre partidas que o Glorioso disputou fora de casa desde a chegada do atual comandante.

Na estreia de Jair Ventura, pela 20ª rodada do Campeonato Brasileiro, o Alvinegro venceu o São Paulo, no Morumbi, por 1 a 0, com gol de Sassá. A vitória tirou o Botafogo do Z-4. A próxima partida foi em Juiz de Fora, contra o Sport e o Botafogo bateu o Leão por 3 a 0, novamente com gol de Sassá (2) e um de Camilo. Foi a primeira vez que o Glorioso conseguiu duas vitórias consecutivas fora do Rio de Janeiro.

O primeiro deslize sob comando de Jair foi contra o Atlético-PR, pela 22ª rodada, quando o time saiu da Arena da Baixada com derrota por 1 a 0. Mas a vitória reinou mais uma vez no Mineirão, quando o Botafogo quebrou jejum de 19 anos sem vencer o Cruzeiro na casa deles e deixou o estádio com o placar de 2 a 0. Canales marcou um dos gols e o ex-cruzeirense Camilo também deixou sua marca. Com o resultado, o Alvinegro chegou à oitava colocação.

No Barradão, pela 26ª rodada, o Botafogo bateu o Vitória por 1 a 0, com gol de Pimpão. Apesar de ter perdidos algumas oportunidades e caído para o nono lugar, o Alvinegro seguia rumo à vaga na Libertadores. Quando voltou à Minas Gerais, para encarar o América-MG, o time saiu em desvantagem por 1 a 0. No Independência, a Libertadores começou a ficar longe e deixar os planos e o Botafogo terminara a partida na oitava colocação, na 27ª rodada.

A vitória contra o Figueirense, na 29ª rodada, fez o time carioca assumir o sétimo lugar na tabela. Na partida sofrida, Bruno Silva marcou o único gol no Orlando Scarpelli e garantiu o sétimo lugar na tabela. Faltava só mais uma vitória para conseguir voltar a disputar uma Libertadores, e no Arruda, o time de Jair Ventura venceu o Santa Cruz por 1 a 0, com gol de Pimpão, alcançando a desejada vaga entre os seis primeiros, na 32ª rodada.

Na Arena Palmeiras, pela 36ª rodada, o Alvinegro perdeu por 1 a 0 e, enquanto o time da casa se aproximava do título, o Glorioso tinha vaga no G-6 ameaçada, após quatro rodadas sem vitória. Mas como tudo com o Botafogo tem que ser sofrido, a decisão da vaga na Libertadores foi conquistada só na última rodada, quando o time foi à Arena do Grêmio para enfrentar o campeão da Copa do Brasil e, na vitória por 1 a 0 se garantiu na Pré.

O Alvinegro deu sorte fora de casa no ano passado. 2017 não está sendo diferente. De todas as partidas disputadas nesta temporada, apenas a da estreia contra o Madureira poderia eliminar o Botafogo da Libertadores.

Para refrescar a memória, Botafogo bateu o Colo-Colo com o placar final de 3 a 2 e venceu o Olimpia na partida desta quarta-feira por 1 a 0 e leva vantagem por não ter sofrido gols. No Paraguai, o Alvinegro pode se classificar com um empate. Caso faça um gol em Assunção, só não avança para a fase de grupos se sofrer três. A um passo de se classificar, o time de Jair Ventura precisa seguir forte para passar o Olimpia.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos