Vasco faz o dever de casa, bate a Portuguesa e garante classificação

O Vasco fez o dever de casa e conseguiu a classificação para as semifinais da Taça Guanabara, primeiro turno do Campeonato Carioca. O Cruz-Maltino venceu a Portuguesa-RJ por 1 a 0, neste sábado, em São Januário, e carimbou a vaga. O gol da vitória foi de Thalles, que retornou ao time após desfalcar contra o Volta Redonda.

Com o triunfo, o Cruz-Maltino chegou aos nove pontos e ficou em segundo no Grupo B. Na próxima fase, o time pode pegar Flamengo ou Madureira, que se enfrentam neste domingo.

Durante a partida houve uma confusão nas arquibancadas. Torcedores do Vasco começaram a agredir um rapaz dizendo que ele era flamenguista. A polícias precisou intervir e escoltou o jovem para fora.

Precisando da vitória, o Vasco começou assustando. Logo aos seis minutos, Bruno Gallo roubou bola na meia-lua e bateu para boa defesa de Luciano. Empurrado pela torcida, o time seguiu pressionando o adversário.

Assim como na partida contra o Volta Redonda, a dupla Gilberto e Kelvin trabalhou bem pelo lado direito. Os dois conectaram tabelas pelo setor e criaram boas jogadas. Mostrando entrega na marcação no meio-campo, Jean também se destacou, mas voltou a levar cartão amarelo.

Rodrigo levou perigo em jogadas de cabeça em pelo menos três oportunidades no primeiro tempo. Em uma delas, após cobrança de escanteio de Nenê, o zagueiro cabeceou firme, mas Luciano defendeu e a bola ainda bateu na trave.

Completando 150 jogos pelo Vasco, Martin Silva foi um mero expectador na primeira etapa. Acuada, a Portuguesa não conseguiu assustar muito. Mesmo com o domínio, o Vasco foi para o intervalo sem mexer no placar.

O Vasco voltou para o segundo tempo com Wagner e Escudero nas vagas de Bruno Gallo e Guilherme Costa para ficar mais ofensivo. No entanto, foi a Portuguesa que passou a assustar Martin Silva, que enfim começou a trabalhar na partida.

Depois de tanto tentar, o Cruz-Maltino conseguiu abrir o placar aos 17. Escudero Cruzou da e Thalles cabeceou para estufar a rede. Luciano ainda tocou na bola, mas não conseguiu evitar.

O Vasco seguiu criando chances, mas voltou a não aproveitar. A Portuguesa-RJ não teve forças para empatar e a partida terminou com vitória Cruz-Maltina.

FICHA TÉCNICA

VASCO 1 X 0 PORTUGUESA-RJ

Local: São Januário, Rio de Janeiro (RJ)

Data-Hora: 18/02/2017 - 16h30 (horário de Brasília)

Árbitro: Mauricio Machado Coelho Junior (RJ)

Auxiliares: Gabriel Conti Viana e Thiago Gomes Magalhães (RJ)

Público/renda: 5.543 pagantes (6485 presentes)/ R$ 137.125,00

Cartões amarelos: Jean (VAS)Jacozinho (POR)

Cartões vermelhos: -

Gols: Thalles (17'/2ºT) (1-0),

VASCO: Martín Silva, Gilberto, Luan, Rodrigo, Henrique; Jean e Bruno Gallo (Wagner); Guilherme Costa (Escudero), Nenê e Kelvin; Thalles. Técnico: Cristovão Borges.

Portuguesa: Luciano, Jacozinho (Maicon Assis), Pessanha, Rodrigo Almeida, Marcão, Marcinho Pitbull, Matias Sosa, Muniz (Peterson), Edu, Fabinho e Romarinho. Técnico: Nelson Rodrigues.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos