Atlético de Madrid vence Leverkusen e abre boa vantagem nas oitavas

Nesta terça-feira, o Atlético de Madrid jogou melhor e venceu o Bayer Leverkusen por 4 a 2 dentro da BayArena, pelo primeiro jogo das oitavas de final da Liga dos Campeões. Agora, a segunda partida acontece no dia 15, às 16h45. O técnico Diego Simeone não poderá contar com Gabi e Filipe Luís, que estão suspensos.

O time da casa escapou de sair com uma desvantagem ainda maior na primeira etapa graças ao goleiro Leno. Se o Atlético não tinha o controle da partida no início, criou as oportunidades mais perigosas e conseguiu dominar em campo. O Leverkusen teve problemas para fazer uma saída de bola de qualidade e, com o time nervoso, sofreu com as investidas dos Colchoneros.

Aos 15 minutos começou a contagem na Alemanha. Saúl fez bela jogada individual pela direita, entrou na área, limpou a zaga e chutou colocado, fazendo belo gol.

Com a melhor movimentação, os visitantes ampliaram pouco depois, aos 24. Após erro gigante de Dragovic no meio do campo, Gameiro recuperou a bola, carregou até a área e achou Griezmann livre. O francês completou para o fundo das redes, fazendo 2 a 0.

Logo no início da segunda etapa a história ameaçou mudar. Aos três minutos, Bellarabi começou a jogada na intermediária, tocou para o lado e entrou na área para receber o cruzamento de Henrichs. O camisa 38 só desviou e colocou 2 a 1 no placar.

Aos 12 minutos, no entanto, Dragovic fez falta em Gameiro, o destaque do jogo, perto da linha da área. O juiz, porém, assinalou o pênalti. O próprio francês foi para a cobrança e marcou mais um para o Atlético.

O jogo voltou a ganhar emoção aos 22, mesmo com os espanhóis melhores em campo. Após jogada construída pelo lado esquerdo, Moyà deu rebote na coxa de Savic, que acabou mandando a bola contra o próprio patrimônio, fazendo 3 a 2. A partir daí, o time alemão tomou conta das ações ofensivas e levou muito perigo aos adversários.

Quem não faz... leva. Aos 40, após cobrança de lateral, Vrsaljko cruzou na cabeça de Fernando Torres, que apareceu sozinho para colocar para dentro do gol e deixar o Atleti mais confortável.

FICHA TÉCNICA:

BAYER LEVERKUSEN 2X4 ATLÉTICO DE MADRID

Data/Hora: 20/02/2017, às 16h45

Local: BayArena, Leverkusen (ALE)

Árbitro: William Collum (ESC)

Gols: Saúl (15'/1ºT), Griezmann (24'/1ºT), Bellarabi (3'/2ºT), Gameiro (13'/2ºT), Savic (22'/2ºT), Torres (40'/2ºT)

Cartões amarelos: Henrichs (14'/1ºT), Dragovic (12'/2ºT), Wendell (18'/2ºT), Aránguiz (29'/2ºT), Torres (41'/2ºT), Gabi (44'/2ºT), Filipe Luís (45'/2ºT)

Cartões vermelhos: -

BAYER LEVERKUSEN: Leno; Heinrichs, Dragovic, Toprak, Wendell; Bellarabi (Pohjanpalo - 20'/2ºT), Aranguiz, Kampl, Brandt (Bailey - 43'/2ºT); Havertz (Volland - 10'/2ºT), Chicharito. Técnico: Roger Schmidt.

ATLÉTICO DE MADRID: Moyá; Vrsaljko, Savic, Giménez, Filipe Luis; Saúl, Gabi, Koke, Carrasco (Torres - 32'/2ºT); Griezmann (Ángel Correa - 33'/2ºT), Gameiro (Partey - 25'/2ºT). Técnico: Diego Simeone.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos