Autor do gol da vitória, Cueva pede desculpa: 'Nunca errei tanto'

Autor do gol da vitória no fim sobre o São Bento, Cueva poderia comemorar por ter decidido no Morumbi, mas saiu de campo incomodado. Segundo ele, o time deveria ter tido uma noite mais tranquila se ele não desperdiçasse tantas finalizações.

- É a primeira partida que me sinto mal por perder tantos gols. Tomamos o empate em uma bola que perdi, mas vamos trabalhar - afirmou o meia.

- Não é da minha parte errar tanto, nunca tinha passado por isso. A equipe não mereceu ganhar dessa forma, não gosto de ganhar dessa maneira nem errar essas finalizações. Queria tirar o peso (cobrando pênalti). Pude marcar - acrescentou.

Das oito finalizações que teve, Cueva mandou para fora cinco delas, uma no travessão. Mas quando foi cobrar o pênalti sofrido por Chavez no fim, o peruano bateu bem e definiu o triunfo por 3 a 2. Na saída do gramado, ele teve uma conversa com o técnico Rogério Ceni que tratou de lhe dar apoio.?

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos