Alecsandro diz que Verdão vai treinar para a Libertadores no Paulista

Alecsandro foi um dos únicos jogadores do Palmeiras que aceitaram falar com os jornalistas após a derrota por 1 a 0 para o Corinthians, nesta quarta-feira, em Itaquera. O atacante, que teve participação tímida nos pouco mais de 20 minutos em que esteve em campo, disse que o tropeço "dói" para os palmeirenses, mas lembrou que o Paulistão não é o foco principal do planejamento para a temporada.

- O planejamento do Palmeiras não é para um jogo, é para mais de 80 partidas, o que envolve nosso principal campeonato, a Libertadores da América. Antes do jogo nós até comentamos que a competição do Corinthians era essa, porque o Corinthians não joga a Libertadores. Então o Corinthians com certeza entraria com muita vontade de ganhar e nós teríamos de suportar. Acabou não dando certo. Dói, e tem de doer mesmo uma derrota para o rival, mas não tem como esconder que no Campeonato Paulista nós vamos treinar para jogar a Libertadores - disparou.

O camisa 9 ainda saiu em defesa de Eduardo Baptista, que já desagrada parte da torcida do Palmeiras neste início de trabalho.

- O Eduardo é grande treinador, mostrou em outras equipes. Não é à toa que está no melhor clube do Brasil, um clube que é referência. Ele não caiu de para-quedas. Tem todo nosso respeito, todo nosso carinho. A gente sabe que a imprensa cria essa condição de dificuldade para o treinador, não só para o Eduardo, mas para todos do Brasil, mas temos uma comissão muito inteligente, uma diretoria que está trabalhando forte, e nosso projeto é muito maior que uma derrota para o Corinthians - disse o Alecgol.

O Palmeiras volta a campo às 16h30 de sábado, contra a Ferroviária, no Allianz Parque.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos