'Tem que ter time forte. O Botafogo não pode contar com empate e pequenas vantagens'

Nesta quarta-feira, após passar por uma guerra, o Botafogo conseguiu se classificar para a fase de grupos da Libertadores. Como um gato, o goleiro Gatito Fernández foi peça fundamental na conquista, quando pegou três cobranças da disputa de pênaltis que deixou os botafoguenses tremendo. A estreia do Glorioso na competição será no dia 14 de março, contra o Estudiantes no Estádio Nilton Santos.

Olimpia abriu o placar com Brian Montenegro aos 34 minutos do segundo tempo e Gatito entrou após Helton Leite se machucar e pedir para sair. Do lado alvinegro, Camilo, Pimpão e Victor Luis bateram e fizeram os gols. Agora, no grupo 1 da Libertadores, o Botafogo se junta ao Atlético Nacional (COL), atual campeão, Barcelona de Guayaquil e Estudiantes. Em análise sobre o desempenho do time, o jornalista Mauro Beting, do canal Esporte Interativo acredita que o Botafogo está no caminho certo para chegar longe na competição.

- O Botafogo está no caminho certo desde que o Jair Ventura assumiu o time impressionante que fez o Campeonato Brasileiro e que está fazendo agora pela qualidade e força dos adversários e pela maneira como o Botafogo decidiu esses quatro jogos. O único problema é que agora o time que tem elenco delimitado em quantidade e qualidade vai se desgastar ainda mais.

Já Paulo Cézar Caju, ex-meia do Botafogo e campeão brasileiro de 1968, afirma que o Botafogo precisa de um time forte para passar os próximos adversários e se manter na competição.

- Uma das únicas coisas boas que aconteceram com o Botafogo foi o Jair Ventura ser efetivado como treinador. A diretoria precisa investir nos bons jogadores de casa, como o Marcelo, porque se o Botafogo for mal na Libertadores ou no Carioca, jogadores como Montillo e Carli nem ficam no time. Passamos sufoco contra o Colo-Colo e contra o Olimpia. Vamos pegar times osso duro, como Atlético Nacional, atual campeão. Quando vai pegar um time de ponta, tem que ter jogadores de qualidade para ganhar o jogo e não vencer nos pênaltis. Botafogo não é time pequeno. É time grande. O elenco precisa ter jogadores bons para passar em uma competição como essa. Na Libertadores, tem que jogar com um time forte, para disputar com os grandes da América Latina, não pode contar com empate e vantagem.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos