Técnico do Porto defende lateral após expulsão: 'Que não volte a se repetir'

A expulsão de Alex Telles ainda no primeiro tempo foi decisiva para a derrota do Porto por 2 a 0 para a Juventus, no Estádio do Dragão, na última quarta-feira. A equipe portuguesa não conseguiu segurar a força da Velha Senhora na etapa final e se complicou na briga por um lugar nas quartas da Liga dos Campeões.

Nesta sexta-feira, o técnico Nuno Espírito Santo não quis culpar o brasileiro pela derrota em casa para o time italiano. Mas espera que o lateral tenha aprendido com o erro.

- Tanto Alex como todos nós ficámos tristes e sentidos com o que se passou, mas não é fundamental o pedido desculpas, antes crescer e aprender com o erro. E foi o que ele fez: aprendeu para não voltar a repetir - disse o comandante.

O Porto volta a jogar no domingo, contra o Boavista, fora de casa. A equipe vira a chave e volta as atenções ao Campeonato Português, torneio no qual está em segundo - a um ponto do Benfica - e vem de seis vitórias consecutivas.

- O jogo da Liga dos Campeões provocou cansaço na equipe, em inferioridade numérica durante bastante tempo, mas reforçou a solidariedade e a união que o time demonstrou durante todo o jogo. Isso nos faz confiantes e assegura que faz parte do caráter da equipe. Tomaremos as decisões que considerarmos melhores. O nosso principal objetivo é vencer no Bessa (estádio do Boavista) no domingo e conseguir os três pontos e o que queremos conquistar, que é o título - finalizou.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos