Casaca? Relembre jogadores que atuaram no Flamengo e Fluminense

O clássico entre Flamengo e Fluminense, que será realizado no próximo domingo, marca a disputa pela Taça Guanabara. Entre os tradicionais clubes, diversos jogadores fizeram parte das equipes, alguns com grandes conquistas em ambos. Relembre atletas que jogaram com a camisa finalistas.

Wellington Silva chegou ao Flamengo em 2011, participou de 19 jogos e não marcou gols. No ano seguinte, o lateral enviou uma carta ao Flamengo dizendo que não pretendia seguir no clube e se transferiu para o Fluminense.

Felipe defendeu o Flamengo em 2003 e 2004. Em 2005, o jogador foi ao Fluminense e no mesmo ano conquistou o título carioca da temporada. Nos dois clubes, o jogador foi campeão carioca. Em 2013, Felipe voltou ao Fluminense e encerrou sua carreira. Hoje, é treinador do Tigres.

'Beto Cachaça' teve duas passagens pelo Flamengo. A primeira foi entre os anos 1998 e 2000 e a segunda em 2001. No ano seguinte, o meia foi para o Fluminense e atuou no clube durante um ano. No Rubro Negro, conquistou diversos títulos estaduais. No Fluminense, foi campeão carioca em 2003.

Thiago Neves, que foi ídolo no Fluminense, chegou ao Flamengo em 2011 e se destacou na equipe e conquistou a Taça Rio e Guanabara da temporada. em 2012, o meia voltou ao Fluminense, onde ficou até 2013. Pelo Tricolor, Thiago Neves participou de 148 partidas.

Doval foi integrado ao Flamengo em 1968, conquistando mais de dez títulos com a camisa rubro negra, durante os seis anos que defendeu o clube. Em 1976, o centroavante argentino foi para o Fluminense, onde permaneceu durante dois anos. Curiosamente, Flamengo e Fluminense são os únicos clubes brasileiros por onde o jogador passou.

Renato Gaúcho, um dos maiores pontas-direita dos anos 80, teve três passagens pelo Flamengo antes de se tornar ídolo no Fluminense, nos anos 1987-1988, 1989-1990 e 1993. No Tricolor, o jogador atuou durante dois anos (1995 e 1997). Mais tarde, retornou ao Fluminense como treinador e conquistou a Copa do Brasil de 2007.

Leandro Amaral teve duas passagens pelo Fluminense. A primeira foi em 2008 e a segunda foi entre 2009 e o ínicio de 2010, quando se transferiu para o Flamengo, após se recuperar de lesão, e encerrou a carreira, depois de participar de apenas quatro jogos.

Toró jogou nos dois clubes já nas categorias de base. Como profissional, o volante iniciou carreira no Fluminense, onde permaneceu por um ano, sagrando-se Campeão Carioca em 2005. Pelo Flamengo, o jogador foi campeão da Copa do Brasil de 2006 e campeão brasileiro em 2009, sem contar os estaduais.

Carlos Alberto Torres atuou no Fluminense durante quatro anos, tendo sua passagem dividida entre 1963-1964 e 1974-1976. No ano seguinte, o atleta foi para o Flamengo. Mais tarde, Carlos Alberto se tornou técnico dos dois times e realizou conquistas importantes com as equipes, como o Campeonato Brasileiro de 1983, pelo Flamengo, e o Campeonato Carioca de 1984, no comando do Fluminense.

Leandro Ávila passou pelos quatro grandes clubes cariocas, mas no Fluminense ficou por apenas um ano e não teve uma boa passagem. Já no Flamengo, o ex-volante se firmou durante três anos e participou da conquista de diversos títulos.

Conca, o recém-chegado ao Flamengo foi ídolo do Fluminense e participou da conquista do Campeonato Brasileiro de 2010. Com a camisa tricolor, o meia esteve presente em 269 jogos, entre todas as quatro passagens que teve pelo clube. Emprestado pelo Shanghai SIPG (CHI) ao Flamengo, o atleta ainda não teve sua estreias. Em processo de recuperação de lesão, Conca participa apenas dos treinos por enquanto.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos