Breno diz que ainda busca confiança, mas comemora ausência de dor

Depois de três anos afastado dos gramados, preso na Alemanha por incendiar a própria casa, Breno ainda exige cuidados especiais do São Paulo. No entanto, aos poucos, o jogador vai voltando à rotina normal de um jogador profissional. Ele participou dos últimos dois jogos do time, admite que ainda não está nas condições ideais, mas já comemora o fato de conseguir atuar sem sentir dor. Vale lembrar que ele perdeu quase toda a temporada passada por realizar uma cirurgia no joelho direito.

- Acho que falta um pouco mais de confiança, isso se adquire jogo após jogo, e melhorar alguns detalhes. Estou muito feliz de poder jogador, o joelho não inchar e eu não sentir dor nenhuma. Isso é o mais importante de tudo - declarou o zagueiro, no desembarque da equipe nesta quinta-feira após garantir a classificação na Copa do Brasil.

No duelo contra o PSTC-PR, na última quarta-feira, o zagueiro entrou aos sete minutos no lugar de Maicon, que saiu machucado. No entanto, ele não foi capaz de impedir que o time voltasse a sofrer com gols tomamos. Mas Breno afasta a ideia de que a zaga está mal e novamente celebra seu desempenho.

- Estou bem, claro que depois de um ano parado depois de uma lesão grave... Agora pegar um pouco mais de confiança e melhorar um pouco lá atrás. Culpa sempre sobra para zagueiros e goleiros, mas é um conjunto. O time está bem, perdemos um jogo no ano todo, acho que manter isso e melhorar atrás para não sofrer tantos gols - ressaltou o camisa 33.

Breno tem três jogos na temporada. Além do PSTC, ele enfrentou o Novorizontino, no último sábado, quando disputou os 90 minutos e teve participação nos gols sofridos - fez um pênalti. Além disso, atuou nos 45 minutos iniciais na estreia na pré-temporada, contra o River Plate (ARG), pela Florida Cup.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos