Logística atrapalha, e Eduardo prevê time misto do Verdão no Choque-Rei

O Palmeiras já começou a se planejar para a sequência de clássicos e jogos pela Copa Libertadores. Nesta quinta-feira, véspera do duelo contra o Red Bull, pelo Paulistão, no Moisés Lucarelli, Eduardo Baptista já adiantou que os titulares que enfrentarão o Atlético Tucumán (ARG), quarta, fora de casa, na estreia pela competição sul-americana, não serão os mesmos que pegarão o São Paulo no sábado que vem, no Allianz Parque.

- Devido à viagem a Tucumán ter sido confirmada muito próxima da data do jogo, tivemos uma dificuldade grande na logística. Vamos acabar o jogo e passar a madrugada toda viajando. Esse pessoal que jogar quarta vai ter dificuldade de jogar sábado. Muitos que não jogarem contra o Tucumán vão estar em campo contra o São Paulo. Aí você dá oportunidade a todos, quem for bem no clássico pode ter oportunidade de jogar a Libertadores - disse o técnico do Verdão.

Os jogadores que tendem a começar tanto a partida contra o Red Bull quanto o duelo com o Tucumán são Fernando Prass, Jean, Edu Dracena, Vitor Hugo e Egídio; Felipe Melo e Zé Roberto; Michel Bastos, Dudu e Keno; Borja (Willian). A equipe que duelará com o São Paulo, portanto, não terá vários desses atletas.

O Palmeiras embarca para a Argentina no fim da tarde de segunda-feira, em um voo fretado. O jogo em Tucumán será às 21h45 de quarta-feira e o desembarque em São Paulo está previsto para as 5h de quinta-feira.

A série de pedreiras continua após o Choque-Rei: no dia 15, quarta-feira, o adversário será o Jorge Wilstermann (BOL), no Allianz Parque, pela segunda rodada da Libertadores; no fim de semana seguinte, haverá o duelo com o Santos, na Vila Belmiro.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos