Eurico afirma que maioria tem preconceito com Cristóvão Borges

  • Paulo Fernandes/Vasco.com.br

O técnico Cristóvão Borges tem rejeição de quase toda a torcida do Vasco. Nos últimos jogos foi possível observar vaias e pedidos de demissão dos torcedores para o treinador. O presidente Eurico Miranda, em entrevista ao canal CNT, saiu em defesa de Cristovão, acusando que a maioria que não gosta do treinador é por conta de um possível preconceito racial:

"As pessoas já têm tempo para me conhecer. Eu não mando treinador embora. Só mando se ficar comprovado para mim a incompetência, a negligência. Fora disso, não mando treinador embora. A maioria não gosta do Cristóvão Borges. Eu gosto. Eles não gostam porque ele não tem a mesma cor que eu. É preconceito".

No programa, um menino também elaborou uma questão para Eurico Miranda: "Eu tenho 9 anos e já vi o Vasco ser rebaixado três vezes. Será que eu vou ver de novo?". O presidente vascaíno foi enfático, garantindo também que a equipe não sofrerá mais o rebaixamento no Brasileiro.

"Você não viu a fase áurea, mas vai ver. Rebaixado não vai ser mais. Eu fico no clube enquanto o Vasco precisar de mim. Não quero ir para casa para depois ter que voltar porque estão acabando com o Vasco", finalizou o presidente.

 

 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos