Estreia ruim! Manga explica lance do pênalti e diz: 'Estou muito triste'

O colombiano Manga Escobar teve uma estreia para esquecer pelo Vasco. O atacante acabou cometendo um pênalti infantil no empate em 1 a 1 com o Vitória, em São Januário, ao cair após tentar um drible e colocar a mão na bola dentro da área. No fim da partida, ele disse que sofreu falta no lance e estava muito triste pelo que aconteceu no jogo.

- Não foi a estreia que eu sonhava. Eu penso que o jogador me deu um tranco, me desequilibrou e que foi falta. Mas são coisas que passam. Estou muito triste, muito dolorido - disse Manga à 'Fox Sports', contando que vai esquecer o que aconteceu e pensar no futuro no clube.

- Agora é treinar forte e olhar para frente - completou.

Nenê, que retornou ao time após se recuperar de uma lesão na coxa esquerda, disse que entende a ira da torcida, que xingou muito o técnico

Cristovão Borges. Autor do gol do Vasco no jogo, o camisa 10 também saiu em defesa de Manga.

- Normal (a reação da torcida). Eles vêm aqui torcer para a gente. Estávamos jogando bem para caramba e acabamos tomando um gol em uma jogada infeliz do Manga. Coitado, é fogo. Entrou em uma situação dessa e acaba acontecendo isso - comentou Nenê, dizendo que o colombiano e todos na equipe precisam agora levantar a cabeça, já que não tem nada perdido.

- Ele tem que levantar a cabeça e nós também, porque ainda não acabou. Temos que vencer agora - disse.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos