Defendendo o Campeonato Carioca, Eurico elogia Ferj e critica descaso com o Maracanã

Defensor da Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro (Ferj), Eurico Miranda novamente não poupou argumentos e elogios para a Federação e para o Campeonato Carioca. No programa ''Bola da Vez'' da ESPN Brasil, o presidente do Vasco foi questionado sobre qual nota daria para a Ferj, e se o Campeonato Carioca dava prejuízo aos clubes sendo, portanto, deficitário. Porém, o mandatário do Cruzmaltino refutou essa tese:

- Nota 11. Sabe quanto eu recebo por cada jogo? R$ 1,2 milhão por cada partida que eu jogo. Tem um contrato firmado com a televisão, que é milionário. A televisão é o principal patrocinador. O campeonato do Rio de Janeiro, absolutamente não é deficitário. É só pegar o borderô dos jogos no estado do Rio de Janeiro, que é mais claro que qualquer outro no país. Como a FERJ não ajuda em nada? Ela banca as séries B, C, D, E e a base.

Ainda falando do futebol carioca, Eurico não poupou críticas ao dinheiro gasto na reforma do Maracanã. O presidente do Vasco lembra que chegou a sugerir uma melhor utilização do dinheiro nos estádios cariocas, mas a ideia não foi aprovada, e se vangloriou do fato de São Januário ser do clube e ter sido construído somente com dinheiro do Cruzmaltino:

- A tragédia é geral. Gastaram R$ 1,3 bilhão para reformar o Maracanã. Eu propus que pegassem R$ 300 milhões para reformar os outros estádios, mas não aceitaram. O Vasco tem um estádio que é todo dele, todo comprado. Não tem nenhuma benesse, tudo foi construído com dinheiro do Vasco.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos