Eduardo planeja escalar Palmeiras com força máxima na Vila Belmiro

Eduardo Baptista não vê necessidade de repetir a estratégia do Choque-Rei e planeja usar força máxima contra o Santos, domingo, na Vila Belmiro. Com tempo suficiente para recuperar os que enfrentaram o Jorge Wilstermann (BOL), o técnico diz que só poupará se algum jogador apresentar desgaste acima do esperado.

- A ideia é ir com o time completo para o clássico. Vamos avaliar com o departamento médico, vamos aguardar todos para definir. Só não vamos arriscar ninguém, mas acho que não será o caso, porque temos tempo hábil para nos recuperar até o jogo de domingo - explicou o treinador.

- Santos e o Palmeiras precisam da vitória. Faz parte do nosso plano pontuar e fazer a classificação entre os primeiros. Jogo de rivalidade, o Santos é agressivo em casa e o Palmeiras tem de ter a mesma postura. O Santos voltou a fazer bons jogos nos últimos dois, voltou a ser um time qualificado, voltaram peças importantes, e o Palmeiras também está bem. Esperamos um grande jogo para dar sequência a esta semana dura - acrescentou.

Na semana passada, com a viagem para a Argentina para enfrentar o Atlético Tucumán, Eduardo tirou os atletas mais cansados contra o São Paulo. Embora a distância entre os jogos contra os bolivianos e Santos seja a mesma, desta vez o grupo não teve de pegar avião.

A escalação ainda não foi confirmada, mas deve se aproximar do time que venceu na Liberta. Apesar da preocupação com a força do Santos na Vila, Eduardo não planeja jogar com Thiago Santos e Felipe Melo juntos.

- O Tucumán usamos mais um volante porque íamos usar um ataque aéreo grande e iam brigar pela segunda bola. O Santos vem com a bola no chão, tem de marcar mas de forma zonal. Não dá para marcar o Lucas Lima homem a homem. Temos de ter leitura, independente da posição temos de fechar a linha de passe com Renato, Lucas, Vitor e Ricardo. É um jogo diferente, não preciso de força de marcação - completou.

Uma possível escalação do Palmeiras neste domingo tem: Fernando Prass; Jean, Mina, Edu Dracena e Zé Roberto; Felipe Melo e Tchê Tchê; Dudu, Guerra e Keno (Michel Bastos); Borja. Com 18 pontos em oito jogos, o Verdão lidera o Grupo C com oito pontos de distância para o Novorizontino, segundo. Se vencer, o time garante vaga na próxima fase.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos