Mesmo com tropeço, Zago valoriza título: 'Vai pro currículo'

Um empate em 1 a 1 com Ypiranga que deixa o Inter apenas em sétimo no Campeonato Gaúcho. Esse é o copo meio vazio do resultado Colorado do jogo da última quarta-feira. Mas o treinador Antônio Carlos Zago prefere ver as coisas pelo lado do copo meio cheio e buscou exaltar o título da Recopa Gaúcha, conquistado após uma vitória de 4 a 3 nos pênaltis e duas belas defesas do goleiro Danilo Fernandes.

- Titulo é titulo. Irá para o currículo. É importantíssimo. Vi que estávamos estáticos no primeiro tempo. Não nos movimentávamos como nos jogos passados, mas depois a equipe melhorou - comentou Zago, admitindo que o primeiro tempo colorado foi abaixo do esperado pelo torcedor.

O comandante colorado também exaltou as entradas de Roberson e Valdívia, ambas no segundo tempo, e lamentou que o time tenha voltado para Porto Alegre com apenas um ponto na bagagem. Aos seus olhos, o time poderia ter saído de Erechim com uma vitória.

- Valdívia e o Roberson entraram muito bem. A equipe cresceu. Chegamos ao empate no pênalti. Talvez pudéssemos sair com a vitória, que era nosso objetivo, mas seguiremos lutando pela classificação - opinou.

O Internacional está em sétimo no Campeonato Gaúcho, com onze pontos, um a frente do último time do G8 e três a frente do Ypiranga, time que, no momento abre a zona de rebaixamento. Faltam duas rodadas. Na próxima, o Colorado encara o São José, fora de casa, no domingo, às 16h.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos