Trave ajuda, Timão encerra jejum em faltas, mas só empata com o Red Bull

Já garantido na primeira colocação do Grupo A do Paulistão, o Corinthians entrou em campo contra o Red Bull, no jogo da "matinê" na Arena, para se aproximar da liderança geral do campeonato. O Timão teve ajuda da trave e acabou com jejum de gol em cobrança de falta, mas só empatou por 1 a 1 com o Red Bull Brasil, nesta quinta-feira, pela décima rodada.

Apesar de ter ficado agora a quatro pontos do Palmeiras, o líder geral, o Corinthians ao menos aproveitou para utilizar sete garotos desde o início do confronto. E dois pouco utilizados corresponderam. Na lateral direita, Léo Príncipe, 20 anos, queria mostrar que dá conta quando Fagner está com a Seleção Brasileira. Já o meia-atacante Pedrinho, 18 anos, fez seu primeiro jogo como titular e estreou na Arena com jogadas ousadas e boa distribuição de bolas.

Em um jogo sem muita importância e em um horário ruim para o torcedor comparecer, Maycon brindou os mais de 16 mil pagantes com um golaço de falta aos 27 minutos do segundo tempo. Ele acabou com o jejum do Corinthians, que não marcava desta maneira desde o 9 de julho de 2015, na vitória por 2 a 0 sobre o Atlético-PR, com Jadson.

Já o Red Bull Brasil fez uma boa partida, mas parou na trave. Nas traves, melhor dizendo. No primeiro lance, ainda aos 24 da etapa inicial, Nando Carandina mandou uma bomba de fora da área após rebote no escanteio. A bola bateu no posto direito de Cássio e depois no esquerdo, antes do impedido Bruno Paulo pegar a sobra.

A segunda vez que o Red Bull parou na trave foi com Luan, que apareceu na área pela direita e chutou rasteiro. Depois, quando a partida já estava 1 a 0, Thallyson acertou o travessão.

Parecia que não era o dia do Red Bull, mas aos 45 minutos do segundo tempo a equipe buscou o gol: Lazaroni recebeu lançamento de Luan e chutou forte, sem chance para Cássio nem para a trave.

Com o empate, o Corinthians se mantém na segunda colocação geral, com 20 pontos. Já o Red Bull Brasil está em terceiro do Grupo B, a dois pontos do vice-líder Linense.

FICHA TÉCNICA

CORINTHIANS 1 X 1 RED BULL BRASIL

Local: Arena Corinthians, São Paulo (SP)

Data-Hora: 23/3/2017 - 17h

Árbitro: Salim Fende Chavez

Auxiliares: Risser Jarussi Corrêa e Vitor Carmona Metestaine

Público/renda: 16.861 pagantes/R$ 675.886,90

Cartões amarelos: (COR), (RBB)

Cartões vermelhos: Saulo, aos 24'/2ºT (após o 2º Amarelo)

Gols: Maycon (27'/2ºT) (1-0), Guilherme Lazaroni (46'/2ºT)

CORINTHIANS: Cássio; Léo Príncipe, Pedro Henrique, Pablo e Guilherme Arana; Gabriel; Pedrinho (Guilherme, aos 40'/2ºT), Rodriguinho, Maycon (Marciel, aos 44'/2ºT) e Léo Jabá (Fellipe Bastos, aos 38'/2ºT); Jô. Técnico: Fabio Carille.

RED BULL BRASIL: Saulo; Lucas Taylor, Willian Magrão (Anderson Marques, aos 15'/2ºT), Luan Peres e Thallyson; Alison, Nando Carandina, Fillipe Souto (Guilherme Lazaroni, 32'/2ºT), Bruno Alves e Luan; Élton (Daniel, aos 25'/2ºT). Técnico: Alberto Valentim.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos