"Aplaudido" por Eduardo, Alecsandro será titular do Palmeiras contra Audax

  • Cesar Greco/Palmeiras

Eduardo Baptista ainda não divulgou o time que enfrentará o Audax, neste sábado, no Allianz Parque, mas confirmou um titular: Alecsandro. O camisa 9 já entrou no decorrer da vitória sobre o Mirassol e foi elogiado pelo técnico por sua entrega, mesmo tendo recebido poucas chances ultimamente.

Nessa quinta, quando a maioria dos jogadores já havia ido para o vestiário, o jogador de 36 anos ficou mais alguns minutos no campo treinando faltas e finalizações com Hyoran, Vitinho e Léo Passos, do sub-20. Não é inédito vê-lo seguir trabalhando no campo após o fim das atividades na Academia.

"Tem que bater palmas, porque é o cara que mais trabalha. Depois do jogo (contra o Mirassol) ele estava treinando no campo, pediu para treinar. Ele busca e é o tipo de jogador que incomoda a gente. E é isto que ele tem de fazer. Olhar para o cara e pensar que precisa dar uma chance", afirmou Eduardo Baptista, em entrevista para o LANCE!.

Após começar 2017 como titular, Alecsandro perdeu espaço para Borja e Willian. São apenas cinco jogos na temporada e nenhum gol. Enquanto vinha jogando pouco, ele chegou a receber sondagens, como do Botafogo. Mas não quis sair, nem diminuiu sua intensidade nos treinos.

Com a classificação garantida para as quartas de final e a uma vitória de ficar com a primeira colocação geral do Paulista, Eduardo tem dado rodagem aos reservas no fim da fase de grupos. Diante do Mirassol, Antônio Carlos e Rafael Marques, por exemplo, começaram jogando, e Erik e Alecsandro entraram no segundo tempo.

"Estes caras te instigam e eles sabem que a gente está olhando. Vou confidenciar, o Alecsandro joga sábado. Ele entrou bem (contra o Mirassol), estava programado, então a gente procura ser honesto e olhar, valorizar os caras que estão buscando. Por isso falei ontem (quarta), a gente às vezes dá mais atenção para quem não está jogando do que quem está. Quem jogou é tranquilo. Ontem (quarta) eu já fiz a preleção, falei depois do jogo, já estão de saco cheio da gente (risos). Eu tenho que cuidar desses aqui (que não jogaram). E dei o treino como se todos fossem jogar sábado. Todos estão preparados para jogar no sábado", completou.

Alecsandro foi o vice-artilheiro do Palmeiras em 2016, com 12 gols - pelo Verdão são 59 partidas e 14 gols ao todo. Seu contrato vence no fim deste ano.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos