Tite prioriza bola parada defensiva em treino da Seleção Brasileira

Não é comum, mas o técnico Tite e sua comissão técnica optaram por fechar o treinamento da Seleção Brasileira. A atividade deste domingo durou cerca de 1h30 na Arena Corinthians, mas os profissionais da imprensa só puderam registrar as imagens por 20 minutos.

Após o aquecimento dos jogadores, Tite comandou uma atividade tática em campo reduzido e com o grupo dividido em dois times de onze atletas. Apesar da ausência da imprensa, a CBF divulgou um vídeo no qual Paulinho, autor de três gols contra o Uruguai, marca um golaço, após receber um passe de Neymar e acertar o ângulo de primeira. Em um segundo momento, o treinador exigiu bastante atenção nas bolas paradas, principalmente defensivas.

- É difícil esconder alguma coisa. Nosso estilo de jogo não tem nada a esconder. Mas isso é para ter mais privacidade, concentração. Pode ser esse o motivo dessa decisão. É difícil, mas o futebol é feito de detalhes. Por isso tem que se treinar muito bem, com concentração - comentou o zagueiro Marquinhos.

Líder das eliminatórias, o time do Brasil só deverá ter uma mudança para a partida contra o Paraguai. Com exceção da entrada de Fágner, que substitui o titular Daniel Alves, suspenso, a equipe deverá ser a mesma que goleou o Uruguai em Montevidéu.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos