Botafogo-SP deixa gramado seco, e corintianos reclamam após empate

O Botafogo-SP adotou uma estratégia para o confronto com o Corinthians, neste sábado, pela ida das quartas de final do Paulistão. O clube de Ribeirão Preto deixou o gramado do Estádio Santa Cruz seco propositalmente, já que os jogadores do Timão estão acostumados a jogar com o campo molhado na Arena em Itaquera. A partida terminou empatada sem gols.

- Eles (corintianos) são espertos, quando jogam lá na Arena deles ninguém fica de pé, então, usamos a nossa estratégia: deixamos o gramado seco, sem molhar. E deu certo. Agora, vamos treinar com o gramado molhado durante a semana para chegar bem adaptado - confessou Samuel Santos, lateral-direito do Botafogo-SP.

Após o empate, jogadores do Corinthians e o técnico Fabio Carille reclamaram das condições do gramado em Ribeirão Preto.

- Estamos acostumados com o campo molhado, e aqui enfrentamos um campo muito seco, tivemos dificuldades. Jogar aqui é muto difícil, o time deles é forte. Mas vamos levar pra casa agora e tentar vencer. Não acho que jogamos mal, mas ficou para a Arena mesmo - afirmou o lateral-esquerdo Guilherme Arana.

- Não conseguimos colocar a bola no chão pelo gramado, e o adversário dificultou tambem. Ficou um jogo de muita correria, com chutão, sem qualidade. Tenho certeza de que no nosso estádio, com um gramado melhor, vamos conseguir fazer um bom jogo - disse o lateral-direito Fagner.

O duelo de volta entre Corinthians e Botafogo-SP será realizado no domingo do próximo dia 9, na Arena. Antes, o Timão enfrenta a Universidad de Chile, quarta, também em Itaquera.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos