Roger minimiza fracassos em clássicos e promete Galo forte

Após a derrota de 2 a 1 para o Cruzeiro, no último sábado, no Mineirão, o Atlético-MG conheceu o seu terceiro tropeço em jogos 'grandes' nesta temporada. A lista ainda inclui um revés de 1 a 0 para o mesmo rival, na Primeira Liga, e um empate em 1 a 1, fora de casa, com o Godoy Cruz, na Libertadores. Apesar dos números, o técnico Roger Machado pregou tranquilidade e prometeu um Galo forte até o restante da temporada.

- Entendo que conquistar ponto fora na Libertadores é ponto importante. A gente pode atribuir os dois clássicos, que não vencemos: um com 20 dias de trabalho e o outro numa circunstância, podemos dizer, especial. Faz parte do andamento - comentou o treinador.

Roger também lembrou que o time, apesar da derrota, seguirá na ponta do Campeonato Mineiro, com 27 pontos, e não pode ser igualado pelo vice-líder Cruzeiro, que tem 24 e um número de vitórias inferior(9a7). Ainda falta uma rodada.

- O que a gente não pode é transformar a derrota em maior do que ela é: valeu três pontos pelo campeonato regional, que nós estamos em primeiro já com duas rodadas de antecedência. Havia um clássico que a gente queria vencer, sim, principalmente pela invencibilidade em alguns clássicos. Mas haverá outras oportunidades. E vai ser diferente - completou Machado.

Após um domingo de folga, o Atlético-MG volta aos treinos nesta segunda-feira. Às 16h, os comandados de Roger Machado terão um jogo-treino com o Betinense, na Cidade do Galo. Só entrará em campo quem não começou jogando o clássico do fim de semana. O próximo jogo oficial é no domingo, dia 09, contra a Caldense, fora de casa, pela última rodada do Campeonato Mineiro.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos