Após pedir 'time cascudo', Abel Braga elogia Fluminense: 'Não afrouxou'

A estreia na Copa Sul-Americana deixou Abel Braga preocupado. Com um elenco recheado de jovens, o técnico via a necessidade de colocar em campo, contra o Liverpool-URU, uma "equipe cascuda". A vitória por 2 a 0 e a atuação segura deixou o comandante satisfeito com o que viu em campo. Os jovens, como Wendel, Léo e Richarlison, tiveram ótimas apresentações, segundo Abel.

- Só houve desequilibro para mim nos primeiros 7 minutos. Estávamos ansiosos para fazer o gol, depois assentamos.Foi uma equipe cascuda. Jogou duro e não afrouxou. Só faltou mais um golzinho. Gostei da resposta. Vai ser assim na Copa Sul-Americana - comentou Abel Braga, técnico do Fluminense.

A meta do Fluminense só foi ameaçada uma vez, logo no início, em gol perdido por Latorre após rebote de Diego Cavalieri. Apesar de não ter feito bom jogo, o Liverpool amarrou a partida e, na base da catimba uruguaia, tirou os atletas do Tricolor do sério em algumas oportunidades.

Richarlison foi um dos que discutiu com os rivais. Ainda aos 25 minutos do primeiro tempo, o camisa 19 trocou empurrões com Nicolás Royón e, após o confronto, admitiu que cuspiu e foi cuspido pelo atacante adversário. Porém, Richarlison minimizou o lance, afirmando que "isso faz parte do futebol".

- Eu cuspi nele e ele devolveu, mas isso é normal. Faz parte do jogo, tentei provocar ele um pouco e o árbitro deu amarelo para os dois - disse Richarlison.

Além de Richarlison, os atacantes Wellington Silva e Henrique Dourado - que marcou o primeiro gol do Fluminense - receberam cartões amarelos. Podendo perder até por um gol de diferença, o Tricolor decide a vaga na segunda fase da Sul-Americana apenas no dia 10 de maio. A partida é na casa do Liverpool, em Montevidéu.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos