ATUAÇÕES: Rodriguinho faz um gol, participa de outro e leva melhor nota

Com destaques na defesa e no meio-de-campo, o Corinthians venceu a Universidad de Chile por 2 a 0, na noite desta quarta-feira, pela Copa Sul-Americana. Rodriguinho fez o primeiro, participou do segundo, de Jadson, e ganhou a melhor nota. Confira os destaques do Timão:

CORINTHIANS

7,0

Cássio

Boa atuação do goleiro corintiano, que fez defesas muito difíceis no início do jogo e mostrou segurança nos outros lances em que foi exigido.

6,0

Léo Príncipe

Alternou bons e maus momentos na marcação, deu espaços, mas não comprometeu. Desceu pouco ao ataque e não criou quase nada.

6,5

Balbuena

Pecou em algumas saídas de bola, mas foi bem em desarmes e interceptações. Quando necessário, recorreu aos chutões.

6,5

Pablo

Assim como seu companheiro, falhou quando tentou dar lançamentos longos, mas foi muito bem na marcação. Sempre bem posicionado.

7,0

Guilherme Arana

Mostrou personalidade e vigor físico para marcar e atacar com intensidade. Bem no ataque, participou da jogada do primeiro gol.

7,0

Gabriel

Incansável, ocupou espaços, brigou bastante e deu um chutaço no lance do gol. Com ressalva de sempre: exagera um pouco nas faltas.

6,5

Maycon

De volta ao centro, rendeu mais, ajudando muito na marcação e ainda aparecendo de surpresa no ataque. Errou mais passes do que o habitual.

6,5

Romero

Nenhuma jogada espetacular, mas demonstrou muita raça e consciência tática. Foi tão importante na defesa quanto no ataque. Cansou no fim.

7,5

Rodriguinho

Era o pior em campo até balançar as redes. Depois, ainda participou do segundo gol. Mesmo não estando 100% por dores no joelho, foi decisivo.

7,0

Jadson

Esteve um pouco apagado no primeiro tempo, embora tenha entrado em divididas e buscado o jogo. Foi inteligente e preciso para fazer anota o gol.

6,5

Percebeu que o time estava com dificuldades para servi-lo e saiu para fazer o pivô e ajudar a reter a bola. Teve boa chance, mas parou no goleiro.

6,0

Clayton

Ajudou a puxar bom contra-ataque, mas foi mal na finalização. Correu muito, ajudou a fechar espaços na defesa e deu gás à equipe no fim.

6,0

Pedrinho

Começou centralizado, mas depois foi para o lado direito com a saída de Romero. Se entregou bastante, mas participou pouco da partida.

-

Camacho

Ficou pouco tempo em campo. Sem nota.

7,0

Téc: Fabio Carille

Time entrou mal, mas soube segurar a pressão e depois equilibrou o jogo. Técnicou acertou ao retomar o 4-2-3-1 e centralizar Maycon de novo.

UNIVERSIDAD DE CHILE

5,5

Johnny Herrera

No lance do primeiro gol fez grandes defesas que deram rebote.

5,5

Matías Rodríguez

Praticamente não fez a diferença. Preso, não foi ao ataque.

5,5

Vilches

Estava mal posicionado no lance do primeiro gol, mas fez bons desarmes.

5,0

Gonzalo Jara

Vinha bem, mas falhou feio em contra-ataque corintiano.

5,0

Schultz

Vai muito ao ataque, se acha um meia, mas se esquece da defesa.

5,5

Reyes

Volante de marcação, pouco eficiente em sua principal função.

5,5

Gonzalo Espinoza

Trazia as bolas da defesa até o meio, depois se perdeu.

5,5

Lorenzetti

Meia mais criativo do time, começou muito bem, mas piorou.

5,0

Rozas

Não conseguiu dar sequência às jogadas e saiu no intervalo do jogo.

5,5

Ubilla

Havia feito um primeiro tempo participativo, sumiu no segundo e saiu.

6,0

Felipe Mora

Bola parou de chegar para ele. Teve só uma grande chance.

5,0

Ontivero

Individualista, perdeu várias bolas por exagerar nos dribles.

5,0

Pizarro

Entrou para tocar a bola, mas time caiu durante sua permanência.

5,0

Castellanos

Erros básicos de domínio. Partida sem sucesso.

4,5

Téc: Guilherme Hoyos

Equipe toca demais a bola com pouca objetividade.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos