Zagueiro da Ponte diz que time deve ser cauteloso e jogar com inteligência

A Ponte Preta fez bem o dever de casa ao vencer o Santos por 1 a 0 no jogo de ida das quartas de final do Campeonato Paulista. No entanto, apesar da vitória e da vantagem obtida no último fim de semana, o zagueiro Yago prega cautela para o confronto da volta na próxima segunda-feira, no Pacaembu. Segundo o defensor, a Macaca deve apostar em uma atitude inteligente dentro de campo.

- É difícil falar que vai jogar pelo empate ou pela vitória. É jogar com inteligência. Temos o regulamento a favor, mas também sabemos que só esperar o Santos é suicídio. Se a gente só se defender, uma hora ou outra eles vão furar. Precisamos segurar os primeiros 15 minutos e depois tentar jogar - explicou o defensor.

Ainda de acordo com Yago, a estratégia de o Santos ter escolhido o Pacaembu em busca de atingir o número maior de público, não terá tanta influência para a Ponte.

- Eu creio que não faz muita diferença - Vila ou Pacaembu. Sinceramente, sabemos que o Santos na Vila é bem mais forte, mas no Pacaembu cabe mais torcedores e talvez a pressão seja um pouco maior. Pensando assim, não vejo muita vantagem neste caso - concluiu o defensor da Macaca.

Santos e Ponte Preta se enfrentam na próxima segunda-feira, dia 10, a partir das 20h (de Brasília), no Pacaembu. Por ter vencido o primeiro jogo, a Ponte tem a vantagem do empate para se classificar à semifinal.

Por outro lado, se o Peixe vencer por um gol de diferença, a decisão da vaga irá para os pênaltis. Em caso de vitória por dois ou mais gols de diferença, a equipe santista é quem garantirá a classificação à próxima fase do Estadual.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos