ATUAÇÕES: Pablo ganha todas atrás e Jadson é decisivo com assistência

Comandado por Pablo atrás e com a qualidade de Jadson na frente, o Corinthians foi seguro e eficiente ao bater o Botafogo-SP por 1 a 0 e garantir sua vaga na semifinal do Campeonato Paulista. Os dois foram os melhores em campo na Arena. Confira as notas do LANCE!:

CORINTHIANS

7,0

Cássio

Foi pouco acionado e mostrou segurança quando precisou. Fez grande defesa em cabeçada do atacante Marcão quando o jogo estava 0 a 0.

6,5

Fágner

Fez boa partida indo bem na marcação e sendo sempre opção de jogo com os avanços pela direita. Faltou ser mais efetivo.

6,0

Balbuena

Falhou em dois lances, um deles ao não acompanhar o atacante Marcão que cabeceou com perigo. No restante foi firme na marcação.

7,5

Pablo

Mais uma excelente partida, ganhando praticamente todas as bolas que disputou e bom tempo de bola. para ganhar as jogadas.

7,0

Guilherme Arana

Foi muito bem, tanto na defesa quanto no apoio ao ataque. A jogada para o gol de Rodriguinho começou em uma arrancada sua pela esquerda.

6,5

Gabriel

Tomou conta do meio de campo com forte marcação e deu bons passes na saída de bola. Não fez faltas bobas como de costume.

6,5

Maycon

Participou do início da jogada do gol de Rodriguinho. No restante ajudou bem na marcação e deu opções chegando ao ataque.

7,5

Jadson

Com bons passes e boa distribuição da bola, foi o melhor jogador do time com destaque para a assistência que deu para o gol de Rodriguinho.

7,0

Rodriguinho

Perdeu duas boas chances de gol, uma delas na cara de Neneca. Mas foi o autor do gol ao cabecear no canto após assistência de Jadson.

6,0

Romero

Ajudou na marcação mas teve pouca participação ofensiva. Acabou sendo substituído no início do segundo tempo por Clayton.

6,0

Teve uma boa oportunidade logo no início mas desperdiçou. Sem a bola chegar, apareceu mais fora da área para dar opção de jogo.

6,0

Clayton

Não ficou tão preso na marcação quanto Romero e participou mais das jogadas de ataque. Mas errou muitos passes.

6,0

Marquinhos Gabriel

Voltando ao time, sentiu a falta de ritmo de jogo errando em alguns passes. Deve entrar mais nos próximos jogos.

6,5

Pedrinho

Nos poucos minutos que ficou em campo, deu um bom chute após a matar a bola no peito levando perigo ao gol adversário.

6,5

Téc: Fábio Carille

Apesar de ter mais posse de bola que no jogo contra a La U, o time falhou mais uma vez na criação de jogadas.

BOTAFOGO

4,5

Neneca

Tem dificuldades motoras. Pulou atrasado e não evitou gol do Timão.

5,5

Samuel Santos

Muita vontade e pouca inspiração. Arriscou cruzamentos.

4,5

Gualberto

Não achou o tempo de bola, tomou várias jogadas nas costas.

6,0

Matheus Mancini

Melhor do que seu companheiro, foi bem no combate.

5,0

Fernandinho

Com erros no ataque, saiu logo no início da segunda etapa.

6,0

Marcão Silva

Na sobra, evitou alguns lances promissores do Corinthians

5,5

Bileu

Errou tempos de bola, mas fez desarmes importantes no meio-campo.

5,5

Diego Pituca

Jogou no meio e na lateral esquerda. Se arriscou na frente.

5,5

Rafael Bastos

É o jogador mais criativo, mas abusa das jogadas sofisticadas

5,5

Francis

Partiu em velocidade duas ou três vezes, porém estava isolado na frente.

5,0

Marcão

Quase marcou de cabeça, entretanto foi ineficiente dentro da área.

5,5

Kauê

Entrou com mais disposição, foi para cima, mas faltou certa qualidade.

5,0

Wesley

Pela esquerda, por muitas vezes tentou a jogada mais difícil, individual.

4,5

Bernardo

Em cobrança de falta, chutou para o gol no lugar de cruzar.

5,0

Téc: Moacir Junior

Time abusa das jogadas individuais, pouco coletivo.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos