Agora 'General', Rabello celebra gol no clássico e explica comemoração

Titular ao lado de Renan Fonseca na zaga alvinegra neste último domingo, Igor Rabello aproveitou a oportunidade para ter uma atuação sólida e ainda marcar o seu primeiro gol com a camisa do Botafogo, ainda no começo do clássico. O zagueiro - revelado na base alvinegra - comemorou o feito que ficará marcado dentro da sua carreira e já projetou o duelo contra o Atlético Nacional-COL.

- Com certeza, fazer gol no clássico é importante para chegar bem na Colômbia. Ganhamos confiança e vamos tentar a vitória lá. Vou guardar para sempre esse gol, ainda mais sendo em um clássico - disse o zagueiro no Nilton Santos.

Na comemoração do seu gol, Igor Rabello bateu continência na celebração. Ele explicou que fez uma homenagem ao apelido de "general" que herdou do período em que esteve emprestado para o Náutico, no ano passado.

- Na Série B do ano passado, me destaquei no Náutico. Fiz gols importantes e a torcida colocou o apelido de general pela comemoração. Agora, eu trouxe para o Botafogo essa comemoração - enalteceu Igor Rabello depois do clássico.

O técnico Jair Ventura aproveitou o gol para elogiar a evolução do zagueiro desde a sua passagem por Pernambuco. Ele lembrou do caso de Sassá - que também atuou pelo Náutico - e citou a importância de viver novas experiências.

- O Botafogo tem um planejamento bom com os talentos. Vamos usando com calma. Quando empresta o jogador, muitos criticam. Eu uso o exemplo do Sassá, que foi para o Náutico e voltou outro jogador. O Igor foi a mesma situação. Fazemos isso para ele amadurecer como atleta e pessoa, conhecendo outro ambiente. Isso foi muito importante - valoriza o comandante alvinegro.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos