Aos 64 anos, Zico é cotado para voltar à seleção asiática

  • Divulgação/Udinese

Zico está de volta ao radar de uma seleção. Na última segunda-feira, a Federação do Iraque demitiu o técnico Radhi Shenaishil, que fracassou nas Eliminatórias. No mesmo dia, a própria entidade afirmou que um treinador estrangeiro pode ser o substituto. E, como não poderia ser diferente, as especulações já deram partida.

De acordo com o jornal português "A Bola", Zico é um dos especulados para o cargo, assim como o italiano Claudio Ranieri, eleito o melhor técnico do mundo em 2016, e o holandês Frank Rijkaard, ex-Barcelona.

Cabe ressaltar que Zico, de 64 anos, já comandou a seleção iraquiana. A passagem relâmpago se deu entre 2011 e 2012.

 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos