Luis Enrique assume a culpa por nova derrota do Barcelona na Champions

O Barcelona terá que fazer uma nova 'remontada' se quiser ficar vivo na Liga dos Campeões. Após levar de 4 a 0 no PSG no Parque dos Príncipes e virar de forma heroica após o 6 a 1 no Camp Nou, o time catalão se vê obrigado a mais uma façanha histórica para avançar às semifinais. Nesta terça-feira, a algoz foi a Juventus, que fez 3 a 0, em Turim. O técnico Luis Enrique assumiu a culpa pelo resultado ruim no jogo de ida.

- Tenho a sensação que revivi um pesadelo. Claramente. Uma sensação lamentável como treinador. Demos dois gols e contra a Juventus isso custa. Tenho uma sensação lamentável como treinador. Difícil de explicar. O primeiro tempo foi nefasto. Está claro que não soube transmitir muito bem o que pensava. Me sinto responsável - afirmou o treinador, em entrevista coletiva após a partida.

A volta será realizada na quarta-feira, dia 19, no Camp Nou, às 15h45 de Brasília. O Barcelona terá o retorno de Busquets, que cumpriu suspensão em Turim e deve entrar na vaga de Mathieu, que novamente foi mal e foi substituído no intervalo por André Gomes.

Apesar do placar elástico a favor dos italianos, Luis Enrique acredita que o Barcelona tem condições de se classificar para a semifinal da Liga dos Campeões.

- Melhoramos no segundo tempo, o posicionamento, rodamos mais a bola, mas dias como esse devem servir como lição. Amanhã (quarta-feira) seguramente será um dia de se levantar de novo e pensar que temos que fazer três gols para empatar e quatro para classificar. Seguro que se recuperarmos o nosso nível podemos fazer o 4 a 0.

Lucho admitiu diversos erros cometidos pelo Barcelona contra a Juventus. E viveu contra a Velha Senhora o 'terceiro tempo' da derrota para o PSG nas oitavas de final.

- No segundo tempo melhoramos, nossos jogadores estavam com muita vontade de competir. Não foi tão ruim como em Paris, mas foi como se fosse um terceiro tempo daquele jogo.

Por fim, o comandante parabenizou a Juventus pela boa atuação e elogiou Daniel Alves, que deixou o Barcelona rumo a Turim no fim da última temporada.

- Dani Alves fez o que sempre faz, é um grandíssimo jogador, com um grande coração - finalizou.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos