Rocha critica postura do Atlético-MG no segundo tempo: "parecia rachão"

O primeiro jogo da semifinal do Campeonato Mineiro não foi como o Atlético esperava. Apesar de sair na frente e dominar o primeiro tempo de jogo, a equipe cedeu o empate para a URT e caiu muito de produção na segunda etapa. No final da partida, os jogadores mostraram-se insatisfeito com a igualdade por 1 a 1 dentro do Mineirão.

- Infelizmente cochilamos mais uma vez e levamos o gol no começo do segundo tempo. Até o Roger falou, estava parecendo rachão, a gente estava brincando. Isso não pode acontecer - comentou o lateral.

Agora, o Atlético faz uma pausa no estadual para voltar a pensar na Libertadores. Na quarta, o clube visita o Libertad, no Paraguai. Para Rocha, o resultado ruim neste domingo de páscoa obriga a equipe a entrar com força total no jogo da volta do Mineiro.

- Tem que ter força máxima, quem tiver condições físicas tem que jogar, não é momento de poupar. Se tivéssemos feito um bom resultado, podia até mesclar, mas como não fizemos temos que ter com força máxima no jogo da volta.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos