'Pretensão esdrúxula do Flamengo', disse presidente do Sport sobre imbróglio do BR-1987

O presidente do Sport, Arnaldo Barros, exaltou a postura do STF em rejeitar o recurso do Flamengo e manter o clube pernambucano como único campeão brasileiro de 1987. Em entrevista ao LANCE! nesta terça-feira, horas após ser divulgada a decisão do Supremo Tribunal Federal, o mandatário garantiu que todos estavam seguros quanto à nova vitória no imbróglio jurídico:

- Nós sempre tivemos uma confiança plena de que o STF iria manter o que já foi julgado anteriormente.

O dirigente não poupou críticas ao Flamengo por pleitear judicialmente o reconhecimento da conquista da Copa União como título brasileiro. Aos seus olhos, o clube da Gávea não se subjugou a um resultado da justiça:

- Foi uma pretensão esdrúxula do Flamengo. Não aceitar se subjugar à Constituição Federal, que é uma garantia para o cidadão em um país democrático. Nós, do Sport, sempre nos colocamos de forma ponderada sobre o caso, de forma científica para buscar os nossos direitos.

Arnaldo Barros diz que espera "bom senso" do Flamengo após a nova derrota judicial no caso:

- Honestamente, já achei estranho ter lutado neste período todo. O que posso dizer é que o Sport está do lado da Constituição. O que posso dizer é que o Sport está do lado da Constituição, do respeito às leis. Quero crer que o Flamengo não fará uma nova tentativa, mas nós estamos prontos caso isto aconteça.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos