Após eliminação, Vidal fala em 'roubo' e diz que time sai 'triste e com raiva'

Arturo Vidal não aceitou bem a derrota do Bayern de Munique para o Real Madrid na última terça-feira, resultado que eliminou sua equipe da Liga dos Campeões. Após a partida, o chileno deixou o gramado de cabeça quente e acusou o árbitro húngaro Viktor Kassai de "roubo".

Os bávaros perderam por 4 a 2 na prorrogação. Após conseguirem o resultado de 2 a 1 no tempo normal - que levou o jogo para o tempo extra -, a equipe alemã levou três gols, sendo que em dois desses Cristiano Ronaldo estava impedido. Outra reclamação é a expulsão do próprio Vidal aos 38 do segundo tempo. Ele levou o segundo amarelo após atingir a bola em disputa Asensio.

- É muito forte quando te roubam um jogo assim. Foram dois gols em impedimento, uma expulsão errada, e o Casemiro deveria ter sido expulso antes de mim. Esse roubo não pode acontecer em uma competição como a Champions - apontou o jogador da seleção do Chile.

O Bayern foi derrotado por 2 a 1 na Alemanha e conseguiu devolver o resultado na Espanha dentro dos 90 minutos. Com um a menos na prorrogação, o cansaço pesou e a equipe acabou sendo derrotada.

- Quando fizemos 2 a 1, o Real Madrid ficou assustado e o árbitro começou o seu show. Foi fácil notar. Em Munique e aqui ficamos com um a menos, e isso nos faz nos questionarmos. Saímos tristes e com raiva. Em um jogo com tanta intensidade, o resultado não pode passar pelo árbitro. Isso te afeta muito. O árbitro errou muito e nos tirou da Liga dos Campeões - completou.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos