Herói na Colômbia, Copete volta a palco especial como amuleto do Peixe

Dificilmente alguém vai sentir mais emoções do que Copete no confronto entre Santos e Santa Fe, nesta quarta-feira, às 21h45, no El Campín, na Colômbia, pela terceira rodada da Libertadores. Isto porque o colombiano terá uma mistura de sensações assim que pisar no palco do jogo.

Copete já fez gol a favor do Santa Fe, contra, foi herói, vilão e pode, nesta quarta decidir para o Alvinegro. Além de ter sido uma espécie de consultor para a comissão técnica, ao ter passado informações atuais sobre o ex-clube, o camisa 18 tem sido utilizado com frequência ao entrar no segundo tempos dos jogos.

Mas antes disso, Copete só se lembra de um de seus maiores feitos referentes ao Santa Fe. Em 2012, ele fez o gol do título do Apertura, contra o Deportivo Pasto, fato que o faz ser bem tratado até hoje em Bogotá.

- Sei que vão me receber muito bem. Já tive a oportunidade de jogar contra o Santa Fe outras vezes e até já marquei gol contra eles pelo Atlético Nacional. Mesmo assim, sempre fui muito respeitado porque os torcedores sabem que sou um cara sério, profissional e que me dedico pelo clube que defendo - disse Copete, ao LANCE!.

Uma vitória no El Campín deixaria o Peixe com sete pontos, isolado na liderança do Grupo 2. Para a vantagem aumentar, o Sporting Cristal (PER) precisa vender o The Strongest (BOL), no Peru. Desta forma, o Alvinegro poderia garantir a classificação de forma antecipada se vencesse o Santa Fe novamente na quarta rodada, no Pacaembu.

O Santos vai a campo com: Vanderlei; Victor Ferraz, Lucas Verissimo, David Braz e Copete (Jean Mota); Renato, Thiago Maia e Lucas Lima; Vitor Bueno, Bruno Henrique e Ricardo Oliveira. Mas na segunda etapa, um colombiano tem presença quase certa.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos