Aos 31 anos, companheiro de dupla ex-Flamengo se suicida na Turquia

O futebol turco está em luto. Lateral-direito tcheco do Gaziantepspor, Frantisek Rajtoral se suicidou aos 31 anos em sua casa, no último domingo. Quem traz a triste informação é o próprio presidente do clube, Ibrahim Kizil, nesta segunda-feira.

- Rajtoral se foi em um trágico suicídio. Não havíamos detectado nenhum problema com ele, infelizmente - disse Kizil.

Via site oficial, o Gaziantepspor homenageou o defensor com uma foto do atleta e a seguinte legenda: "Nosso coração". Na equipe, Rajtoral atuava com os brasileiros Paulo Victor e Wallace, ambos ex-Flamengo, Bruno Mota, ex-Atlético-PR, Marquinhos Pedroso, ex-Figueirense, e Marcinho Júnior, ex-Corinthians.

Em seu país, Frantisek Rajtoral atuou por Pribram, Baník Ostrava e Viktoria Plzen - onde se destacou mais. Depois, o lateral passou pelo Hannover, da Alemanha, em 2014. Além disso, soma 14 atuações pela seleção tcheca.

De acordo com a imprensa local, Rajtoral, que estava no clube turco desde o início desta temporada, faltou a um treino antes do suicídio.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos