Palmeiras pode se classificar nesta quarta na Libertadores; saiba como

Líder do Grupo 5 da Libertadores, o Palmeiras pode garantir a classificação às oitavas de final nesta quarta-feira. Para isto, o time precisa vencer o Peñarol (URU), em Montevidéu, e torcer para que o Atlético Tucumán não ganhe do Jorge Wilstermann (BOL), terça, na Argentina.

Para Jean, por mais que o triunfo possa definir a vaga com duas rodadas de antecedência, o time precisa ter na cabeça o "roteiro" para disputar a Libertadores: vencer como mandante e não perder fora de casa.

- Estamos fazendo as contas e quanto antes a gente puder garantir a vaga na próxima fase sempre é importante e muito bom. Vamos buscar a cada jogo sair com os três pontos, mas sabemos que jogando fora na Libertadores é não perder, não sair derrotado. Empate também seria um grande resultado - analisou o camisa 2 nesta segunda.

- Mas não vamos pensar só nisso. O Palmeiras tem condição de sair com os três pontos. O primeiro plano é de buscar os três pontos com força total, é importante a classificação antecipada. É isto o que queremos - acrescentou o lateral-direito.

A chave é liderada pelo Verdão com sete pontos, seguido por Jorge Wilstermann com seis, Peñarol com três e Tucumán com um ponto. Se vencer, o Palmeiras vai a dez e já não poderá mais ser alcançado pelos uruguaios. Se os argentinos vencerem na terça, chegam a quatro pontos e ainda teriam chance de igualar o atual campeão brasileiro, mesmo com uma vitória em Montevidéu. Caso Alviverde e o Tucumán ganhem, o time de Eduardo Baptista precisará de apenas mais um ponto em duas partidas.

Depois da vitória sobre o Peñarol no último lance no Allianz Parque, os palmeirenses já se preparam para um jogo ainda mais catimbado na arena dos uruguaios. O confronto está marcado para quarta-feira, às 21h45.

- Acho que vai ser uma continuação no quesito emocional, de cabeça. Vamos precisar de uma mentalidade forte para não cair nas provocações, não podemos perder mais jogadores. Estaremos fora de casa, a provocação é o modo deles competirem, temos de jogar futebol e igualar na futebol e até se possível ter mais garra, porque não dá para ir para lá, jogar no Uruguai contra o Peñarol mais ou menos, ir pensando que vai ser menos do que foi aqui na nossa casa. Com certeza vai ser tudo a mais. Temos de ir lá pensando em fazer algo a mais - completou.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos