Épico! Gatito salva, Guilherme marca dois e Botafogo vira sobre o Sport

Heróica. Não existe palavra que melhor defina a grande virada do Botafogo na noite de ontem. Após virar o primeiro tempo perdendo de 1 a 0 - e com um jogador a menos - Guilherme brilhou, Gatito defendeu pênalti e o time de Jair Ventura venceu o Sport por 2 a 1, no Nilton Santos, pelas oitavas de final da Copa do Brasil deste ano.

A expectativa no começo do jogo era em relação a dupla Guilherme e Sassá no comando do ataque. As mudanças foram muito em cima das boas exibições de ambos na sequência fora do Brasil. E o time começou assustando cedo, com chute de fora de Camilo. Mas foi um lateral do Sport, em jogada parecida, que abriu o placar para o time rubro-negro.

Opção pelo lado direito, Samuel Xavier acertou chute de rara felicidade após receber passe de Lenis, aos 8 minutos. Era tudo que o time de Ney Franco - postado atrás - precisava para fazer seu jogo no Nilton Santos.

Enquanto isso, a equipe de Jair apresentava boas situações quando Guilherme chamava o jogo pelos lados. Faltava ao camisa 7 uma melhor tomada de decisão na hora de concluir. Ela veio depois. De resto, muito chuveirinho na área e tentativa de infiltrações bloqueadas pela forte compactação rival no Rio de Janeiro.

A bola parada - na ineficácia ofensiva - se tornava uma possibilidade. Mas foram muitos desperdícios de cruzamentos. E, quando a situação parecia não poder piorar até o final do primeiro tempo, Bruno Silva foi expulso em questão de minutos, com cartões por reclamação e um carrinho desnecessário perto da área.

Para a segunda etapa, Ney Franco foi inteligente ao sacar os dois jogadores que tinham amarelo do Sport. O Botafogo - tendo um a menos - aceitou o papel de franco atirador, jogando mais recuado e tendo ações com a trinca de frente. E a estratégia de Jair foi certeira.

Com essa postura que o time equilibrou as ações. Aos 11, Airton deu bote certeiro em Rithely no campo de ataque. O volante serviu Guilherme, que desta vez acertou. Batida certeira, empatando o duelo da Copa do Brasil.

Aos 26, André foi derrubado por Emerson Silva na área alvinegra. E Gatito buscou pênalti de Diego Souza. A noite era do Botafogo. E Guilherme recebeu, aos 37, pela esquerda, e deixou no ângulo de Magrão para virar o jogo: vitória épica do Botafogo em mais um mata-mata no Nilton Santos.

FICHA TÉCNICA:

BOTAFOGO 2 x 1 SPORT

Data/hora: 26/04/17, às 21h45

Local: Estádio Nilton Santos, no Rio de Janeiro (RJ)

Arbitragem: Braulio da Silva Machado (SC)

Cartões amarelos: Bruno Silva, Emerson Silva, Rodrigo Pimpão (BOT); Fabrício, Ronaldo (SPO)

Cartão vermelho: Bruno Silva (BOT)

Público e renda: 10.455 pagantes / 12.271 presentes/ R$ 199.730,00

Gols: Samuel Xavier 8'/1°T (0-1), Guilherme 11'/2°T (1-1) e Guilherme 37'/2°T (2-1)

BOTAFOGO: Gatito Fernández, Emerson, Carli (Marcelo), Emerson Silva e Victor Luís; Airton (Matheus Fernandes), Bruno Silva, João Paulo e Camilo (Rodrigo Pimpão); Guilherme e Sassá - Técnico: Jair Ventura.

SPORT: Magrão, Samuel Xavier, Durval, Matheus Ferraz e Mena; Fabrício (André), Rithely, Ronaldo (Rodrigo) e Diego Souza; Rogério e Lenis (Everton Felipe) - Técnico: Ney Franco

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos