Velho conhecido, Lins somou taças no Japão e quer ajudar Ponte no Paulista

Presente em oito dos últimos dez jogos da Ponte Preta, o experiente atacante Lins espera ajudar a equipe a conquistar o inédito título do Campeonato Paulista. Neste domingo, a Macaca inicia a decisão diante do Corinthians, às 16h, no Moisés Lucarelli, em Campinas.

Mesmo no banco de reservas, o camisa 19 tem sido aposta do técnico Gilson Kleina - ele entrou em cinco dos últimos seis jogos, incluindo as quartas de final, diante do Santos, e as semis contra o Palmeiras.

- Nossa equipe chegou com méritos, passando por rivais dificílimos, que estão entre os melhores do Brasil. O Corinthians é muito forte, tem ótimo elenco, mas temos condições de brigar por esse título, mantendo o trabalho e humildade que mostramos até agora. A torcida e o clube merecem muito, então daremos a vida nesses dois jogos - disse Lins.

O jogador, hoje com 29 anos, voltou ao Brasil no ano passado, para defender o Figueirense, antes de se transferir para a Ponte, clube em que já havia jogado em 2019.

Fora do país ganhou destaque no continente asiático, onde somou títulos pelo Gamba Osaka, do Japão. Em dois anos, obteve cinco conquistas: Liga Japonesa (2014), Copa Nabisco (2014), Copa do Imperador (2014), Copa do Imperador (2015) e Supercopa do Japão (2015).

Na Macaca, Lins pode vencer seu segundo estadual, já que ganhou o Campeonato Catarinense de 2013 pelo Criciúma como titular.

- Graças a Deus pude conquistar títulos na carreira, todos ficaram marcados para sempre. No Japão, realmente vivi uma fase muito boa, de muitas glórias. Espero conseguir isso novamente aqui na Ponte Preta. Nosso grupo é bom e está unido e fechado em busca do objetivo, que é o título paulista - ressaltou Lins.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos